Em imoveis / investimentos-imobiliarios

Fundos Imobiliários: o que você precisa saber para investir

Danilo Bastos, coautor do livro "Guia Suno de Fundos Imobiliários: Introdução sobre investimentos seguros e rentáveis" é o convidado do programa Fundos Imobiliários desta sexta-feira (9)  

SÃO PAULO – Os fundos imobiliários podem vir a ser uma boa oportunidade de investimento nos próximos meses por conta da eleição de Jair Bolsonaro para a presidência do Brasil. A perspectiva de melhora no cenário econômico, expectativa de retomada do crescimento da taxa de empregabilidade do país, por consequência, diminuição da taxa de vacância de escritórios deve aquecer o mercado.

Eles ainda são uma modalidade de investimento nova em relação à Bolsa de Valores e contam com um número pequeno de investidores no Brasil – em junho deste ano, eram 155 mil investidores.

Para investidores que desejam aproveitar a boa onda dos FIIs, um bom guia de como começar a aportar neles é o da Suno, “Guia Suno de Fundos Imobiliários: Introdução sobre investimentos seguros e rentáveis”. Um dos autores, Danilo Bastos, é o convidado do programa Fundos Imobiliários desta sexta-feira (9) para comentar sobre suas experiências como investir e sobre como o livro pode auxiliar investidores. 

Também piloto de avião, ele comentou que começou a investir em 2002, inicialmente em fundos de bancos. Depois, passou a optar por ações e, por fim, chegou aos fundos imobiliários. "Me chamou atenção o fluxo de dividendos. É uma renda variável que pode assustar muita gente, mas elas esquecem que muitas pessoas vivem de renda variável", ele comentou. 

A facilidade de investir nos FIIs também foi o que o motivou a aportar neles. "É muito menos complexo que ações. Estudar um imóvel é difícil de estudar um mercado inteiro, uma empresa petroquímica, um banco... É muito mais simples", disse. "O que você precisa aprender é simples, é interessante".

Entre os pontos que o investidor deve compreender antes de começar a investir estão o fluxo de dinheiro e as particularidades entre os imóveis -- investir em um shopping, por exemplo, é diferente de investir em um galpão de logística -- e, claro, acompanhar os relatórios gerenciais para entender e acompanhar o que está acontecendo com os fundos.

"Depois de comprar não tem muito o que fazer, é ganhar dinheiro dormindo", ele brincou.

A maior corretora do Brasil agora oferece taxa ZERO para investir em fundos imobiliários. Abra sua conta gratuita na XP! 

Bastos, também piloto de avião, ainda comentou na entrevista como sua profissão o ajuda a investir. Apresentado pelo professor do InfoMoney Educação Arthur Vieira de Moraes, o programa está disponível por completo no player acima.

 

Contato