Em franquias

Franquias faturam R$ 127 bilhões em 2014; crescimento é o menor em dez anos

Para 2015, a estimativa da ABF (Associação Brasileira de Franchising) é de que o faturamento cresça entre 7,5% e 9%

SÃO PAULO – Segundo dados divulgados hoje (27) pela ABF (Associação Brasileira de Franchising), o setor de franquias totalizou R$ 127 bilhões em faturamento no ano passado, um crescimento de 7,7% com relação ao ano anterior.

O percentual de crescimento do setor foi o menor dos últimos dez anos na comparação anual: em 2013 foi de 11,3% e em 2012 de 16,2%. Na avaliação trimestral, a receita do setor aumentou 12,8% no último trimestre em relação ao anterior, de R$ 32.281 para R$ 36.397 bilhões. Esse valor, comparado ao obtido no mesmo período de 2013, apresenta um crescimento de 4,9%.

No final de 2014, 125.378 unidades franqueadas estavam operando no país, 9,6% a mais do que em 2013. Para 2015, a estimativa da ABF é de que o faturamento cresça entre 7,5% e 9% e o número de novas unidades aumente entre 9% e 10%. “Isso mostra que a cadeia do varejo está mais preparada para as oscilações do mercado. Por esse motivo, o franchising demora a sentir os efeitos da retração econômica”, afirma a presidente da ABF Cristina Franco.

Embora o percentual tenha sido o menor, o desempenho do franchising no ano passado foi acima da média com relação aos outros setores da economia. Para a atual economia do país, os números obtidos pelo setor são positivos.

 

Contato