Dados do país

PMI composto da China sobe de 47,2 em agosto para 51,4 em setembro

O PMI de serviços, divulgado no mesmo levantamento, subiu de 46,7 em agosto para 53,4 em setembro, também sinalizando recuperação

arrow_forwardMais sobre
Estátua de Mao e bandeira da China (Foto: Getty Images)

O índice de gerentes de compras (PMI, na sigla em inglês) composto da China subiu de 47,2 em agosto para 51,4 em setembro, de acordo com pesquisa divulgada nesta sexta-feira (8) pela IHS Markit em parceria com a Caixin Media. Números acima de 50 indicam expansão da atividade. No mês de agosto, o índice havia apontado para contração pela primeira vez em 16 meses.

O PMI de serviços, divulgado no mesmo levantamento, subiu de 46,7 em agosto para 53,4 em setembro, também sinalizando recuperação da atividade após um mês de retração.

Segundo a IHS e a Caixin, o desempenho do índice composto foi puxado pelo setor de serviços, que observou sólida alta nas vendas, enquanto as indústrias tiveram um aumento apenas marginal nos pedidos. Por outro lado, os dados de preços mostraram fortes reajustes tanto para produtores quanto para consumidores.

“De modo geral, dado que o impacto da pandemia foi menos severo em setembro que no mês anterior, os serviços se recuperaram rapidamente. Em contraste, a recuperação no setor manufatureiro foi limitada, mostrando que a economia ainda enfrentou pressão baixista”, comentou Wang Zhe, economista sênior do Caixin Insight Group.

Analista da Clear apresenta plano detalhado para começar a construir uma renda diária utilizando a Bolsa de Valores. Inscreva-se grátis.