Economia americana

PIB dos EUA é revisado para cima e tem crescimento de 4,1% no 4º trimestre, mostra segunda estimativa

Na primeira estimativa, divulgada no fim de janeiro, o resultado havia mostrado um crescimento de 4%

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos teve um crescimento de 4,1% no quarto trimestre de 2020 na comparação com o terceiro trimestre em termos anualizados, mostrou a segunda estimativa do Departamento de Comércio do país nesta quinta-feira (25).

O resultado ficou dentro do esperado pelo mercado. Na primeira estimativa, o resultado havia mostrado um crescimento de 4%.

Apenas os gastos com consumo, que respondem por cerca de 70% do PIB americano, aumentaram 2,4% no último trimestre do ano passado. O cálculo original havia sido de acréscimo de 2,5%.

O Departamento do Comércio informou também que o índice de preços de gastos com consumo (PCE, na sigla em inglês) subiu à taxa anualizada de 1,6% no quarto trimestre, um pouco acima da estimativa prévia de +1,5%.

Já o núcleo do PCE, que desconsidera preços de alimentos e energia, avançou 1,4% no mesmo intervalo, confirmando a leitura preliminar.

Vale lembrar que a metodologia utilizada pelo Bureau of Economic Analysis (BEA) dos EUA é diferente da que é usada pelos demais países do mundo.

O método dos americanos é o cálculo da variação trimestral com ajuste sazonal anualizado. A variação resultante é elevada à quarta potência.

Diversas publicações técnicas criticam este método, pois pode superestima variações e provocar distorções em períodos específicos, como o InfoMoney explica neste vídeo.

(Com Agência Estado)

PUBLICIDADE

Em curso gratuito, analista Pamela Semezzato explica como conseguiu extrair da Bolsa em um mês o que ganhava em um ano em seu antigo emprego. Deixe seu e-mail para assistir de graça.