Queda mais forte

Modelo do Fed de Atlanta passa a prever contração de 1,6% no PIB dos EUA do 2º tri

Na atualização anterior, da sexta-feira passada, ele apontava para queda de 1,5%, na taxa anualizada sazonalmente ajustada.

Por  Estadão Conteúdo -

O Federal Reserve (Fed, o banco central americano) de Atlanta informa nesta terça-feira, 19, que seu modelo “GDPNow” para o crescimento dos Estados Unidos aponta agora para contração de 1,6% no segundo trimestre.

Na atualização anterior, da sexta-feira passada, ele apontava para queda de 1,5%, na taxa anualizada sazonalmente ajustada.

A distrital do BC americano informa que a leitura de hoje já incorpora o dado de construções de moradias iniciadas, que caíram 2% em junho ante maio, contrariando a previsão de alta dos analistas.

Em seu comunicado, o Fed Atlanta ressalta que este modelo não é previsão oficial da distrital, mas uma estimativa baseada nos dados econômicos disponíveis para o trimestre em foco, sem ajustes subjetivos e apenas com os resultados matemáticos do modelo.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe