Coronavírus assusta

França fecha todas as escolas e universidades para não virar Itália

Outros países da Europa tomam medidas preventivas

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Com mais de 2 mil casos confirmados de Covid-19, a França anunciou que fechará todas as escolas e universidades do país a partir de segunda-feira (16). O país é o segundo mais infectado na Europa – a Itália tem mais de 12 mil infectados – e profissionais de saúde disseram que o número pode escalar rapidamente.

Após líderes europeus criticarem a decisão de Donald Trump de cancelar voos da Europa para os EUA, excetuando o Reino Unido, o presidente francês, Emmanuel Macron, pediu que líderes globais ajam de forma conjunta para combater a enfermidade.

“Estamos apenas no início dessa epidemia”, disse em transmissão televisiva na quinta-feira (12). “Estar divididos não nos permitirá responder ao que é uma crise global”.

Aprenda a investir na bolsa

Além das escolas fechadas, o país pretende fornecer fundos para auxiliar negócios “independentemente dos custos”, disse o presidente.

Outras medidas

Governos europeus têm tomado diversas medidas preventivas contra o coronavírus, Na Bélgica, todas as atividades escolares estarão suspensas a partir de segunda-feira. Bares e restaurantes ficarão fechados. Lojas deverão fechar aos finais de semana, com exceção de farmácias e supermercados. Idosos foram aconselhados a ficar em casa.

Na Alemanha, alguns estados fecharão escolas, jardins de infância e berçários.

Por outro lado, no Reino Unido, o primeiro ministro Boris Johnson disse que não havia necessidade de fechar escolas no momento, mas os alunos foram desaconselhados de fazer viagens didáticas e pessoas idosas foram orientadas a não viajar em cruzeiros. Outra medida preventiva é o isolamento de qualquer cidadão que apresentar tosse “nova e contínua”e febre.

Aproveite as oportunidades para fazer seu dinheiro render mais: abra uma conta na Clear com taxa ZERO para corretagem de ações!