Relatório do Banco Central

Focus: economistas elevam mais uma vez projeção para IPCA, a 9,33% em 2021; Selic no fim de 2022 sobe para 11% ao ano

Já em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) as projeções foram reduzidas de expansão de 4,94% para 4,93% em 2021

Por  Equipe InfoMoney -

Os economistas do mercado financeiro elevaram mais uma vez suas projeções para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2021, revelou o Relatório Focus do Banco Central.

De 9,17% na semana passada, agora a expectativa mediana para a inflação deste ano está em 9,33%. Para 2022, a previsão subiu de 4,55% para 4,63%.

Já em relação ao Produto Interno Bruto (PIB) as projeções foram reduzidas de expansão de 4,94% para 4,93% em 2021; para 2022, foram reduzidas de 1,2% para 1%.

As estimativas para o dólar foram mantidas em R$ 5,50 em 2021, mesmas projeções para 2022.

Por fim, a projeção para a taxa básica de juros, Selic, foi mantida em 9,25% para 2021; e subiu de 10,25% para 11% em 2022.

Atualmente, a Selic está em 7,75%, e o Comitê de Política Monetária do BC volta a se reunir para decidir sobre a política monetária no início de dezembro.

Aprenda a transformar a Bolsa de Valores em fonte recorrente de ganhos. Assista a aula gratuita do Professor Su e descubra como.

Compartilhe