É essencial elevar teto de gastos dos EUA para evitar default, diz Powell

O presidente do Fed ainda disse que a inflação é uma fonte de preocupação, não a condição da curva de Phillips no curto prazo

Estadão Conteúdo

Publicidade

O presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Jerome Powell, afirmou nesta terça-feira, 28, que “é essencial elevar o teto de gastos para evitar default e consequências muito ruins” para a economia dos EUA. Powell fez o comentário em depoimento no Comitê Bancário, de Moradias e Assuntos Urbanos do Senado em Washington.

Também nesta terça-feira, o presidente do Federal Reserve avaliou em depoimento no Senado norte-americano que “a inflação é uma fonte de preocupação, não a condição da curva de Phillips no curto prazo”.

Ele disse que a curva de Phillips apresenta leve inclinação nos EUA, mas não causa maiores atenções do Federal Reserve no momento. “Tivemos taxa de desemprego de 3,5% antes da pandemia e não houve significativa variação desta curva.”

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

Powell foi ainda questionado sobre como seria oportuno que os EUA pudessem lançar sua moeda na versão digital. “O ideal é que dólar digital surja de ampla consulta e legislação aprovada pelo Congresso”, respondeu.

Analista TOP 3 em rentabilidade de curto prazo compartilha seu método exclusivo na Bolsa