É cedo para pensar em quando cortar juros nos EUA, afirma dirigente do Fed

Para John Williams, a principal questão no momento para o FOM é se as taxas estão no patamar adequado

Estadão Conteúdo

Publicidade

Presidente da distrital do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) em Nova York, John Williams afirmou que é prematuro pensar sobre quando começar a cortar juros. No momento, a principal questão para o Comitê Federal de Mercado Aberto (FOMC, na sigla em inglês) é se as taxas estão no patamar adequado, disse o dirigente nesta sexta-feira, 15, em entrevista à CNBC.

Williams afirmou ainda que a política monetária está funcionando como pretendido, e que o Fed está confiante de que a inflação atingirá a meta.

Ele falou que, no geral, as condições financeiras ficaram mais apertadas, a despeito da recente volatilidade do mercado.

Masterclass

As Ações mais Promissoras da Bolsa

Baixe uma lista de 10 ações de Small Caps que, na opinião dos especialistas, possuem potencial de valorização para os próximos meses e anos, e assista a uma aula gratuita

E-mail inválido!

Ao informar os dados, você concorda com a nossa Política de Privacidade.

“Temos que olhar o movimento constante e não o que sobe e desce”, falou ele.