MERCADOS AO VIVO IPO: ações da Allied estreiam na B3 próximas à estabilidade

IPO: ações da Allied estreiam na B3 próximas à estabilidade

Imunização contra Covid-19

Covid-19: governo de SP antecipa vacinação de idosos com 68 anos de idade para sexta (2)

Estado também anunciou a compra de 2 mil cilindros de oxigênio para municípios com pouco estoque

(REUTERS/Amanda Perobelli)

SÃO PAULO – O Governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (31) a antecipação da vacinação contra Covid-19 dos idosos com 68 anos de idade no estado para esta sexta-feira (2). Na última semana, o governo havia confirmado a imunização desse grupo para o dia 5 de abril.

Segundo dados do estado, um total de 340 mil pessoas serão contempladas com vacinas contra Covid-19 a partir da imunização feita na próxima sexta-feira.

No dia 5 de abril, ainda está confirmado o início da vacinação de membros das forças de Segurança Pública. Profissionais de educação a partir de 47 anos de idade receberão doses a partir do dia 12 de abril.

A plataforma do Vacinômetro, que contabiliza a quantidade de doses aplicadas em São Paulo, aponta para mais de 6 milhões de aplicações desde o início da vacinação. 4.537.937 pessoas receberam a primeira dose. Dessas, 1.508.793 receberam também a segunda dose.

O governo também aproveitou para anunciar a criação da campanha “Vacina contra a Fome”, incentivando quem for se vacinar a também doar 1 kg de alimentos não-perecíveis.

Combate contra a Covid-19 em SP

O governo de São Paulo anunciou a compra de 2 mil cilindros de oxigênio para hospitais em cidades menores, que não possuem usina própria. Segundo Patricia Ellen, secretária de Desenvolvimento Econômico, existem 120 municípios no estado em situação grave no estoque de oxigênio.

Também foi anunciada a abertura de mais 163 leitos para tratar de pacientes com Covid-19 no Hospital das Clínicas. 58 deles são de UTI, e 95 são de enfermaria. O HC abrirá os leitos graças a uma doação de R$ 5,4 milhões de um grupo de empresas, como Cosan (CSAN3) e EDP Brasil (ENBR3).

Número de óbitos atinge média recorde

São Paulo registrou média de 619 mortes por dia por Covid-19 entre 21 e 27 de março, recorde desde o início da pandemia. Em relação à semana anterior, houve um aumento de 25,6% de mortos por dia.

No entanto, Jean Gorinchteyn, secretário de Saúde, mostrou otimismo com a desaceleração no aumento de casos e internações na última semana, quando comparado ao período anterior. Internações por Covid-19, por exemplo, aumentaram 10%, comparado a 18,3% na semana anterior.

PUBLICIDADE

A taxa de ocupação de leitos de UTI, no entanto, continuou subindo. Em todo o estado, 92,2% dos leitos estão ocupados (ante 91,7% na última atualização) e 91,8% na Grande São Paulo.

Quer descobrir como é possível multiplicar seu capital no mercado de Opções? O analista Fernando Góes te mostra como na Semana 3×1, evento online e 100% gratuito. Clique aqui para assistir.