Sem interferência

Bolsonaro diz que não interfere nos preços de combustíveis

Ele também acusou governadores de impedirem a redução de preços para, com isso, aumentar a arrecadação

Por  Estadão Conteúdo -

Cobrado até mesmo por apoiadores pela inflação dos combustíveis, o presidente Jair Bolsonaro (PL) assegurou nesta quarta-feira, 15, em encontro com empresários que não interfere na política de preços da Petrobras (PETR3;PETR4).

Durante discurso na Fiesp, o chefe do Executivo lembrou que a forma do governo de segurar preços foi reduzir o IPI do diesel, porém os benefícios da medida não chegaram aos transportadores porque governadores aumentaram o ICMS.

Ele também acusou governadores de impedirem a redução de preços para, com isso, aumentar a arrecadação sobre combustíveis em plena pandemia.

Oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje. Assista aqui.

Compartilhe