Estados Unidos

Biden planeja nomear Michael Barr como vice-presidente de supervisão do Fed

Se nomeação for confirmada, ele seria responsável pela inspeção das maiores instituições financeiras dos EUA

Por  Estadão Conteúdo -

O presidente dos EUA, Joe Biden, revelou nesta sexta-feira (15) que pretende nomear Michael Barr, que serviu como funcionário do Departamento do Tesouro durante o governo Obama, para ser o vice-presidente de supervisão do Federal Reserve (Fed, o banco central americano).

Se a nomeação for confirmada, Barr será responsável pela inspeção das maiores instituições financeiras dos EUA, incluindo JPMorgan Chase, Bank of America e Citigroup. No mês passado, a primeira opção de Biden para o cargo, Sarah Bloom Raskin, retirou sua candidatura após sofrer oposição de democratas e republicanos.

Em comunicado, Biden disse que trabalhará com o Comitê Bancário do Senado para que a nomeação de Barr seja confirmada rapidamente. Ele apelou também aos senadores que confirmem em breve outros indicados ao Fed, incluindo a nomeação de Jerome Powell para um segundo mandato como presidente do BC americano. Com informações da Dow Jones Newswires.

Cadastre-se na IMpulso e receba semanalmente um resumo das notícias que mexem com o seu bolso — de um jeito fácil de entender:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.
Compartilhe