EUA e China

Biden e Xi conversam na segunda-feira para aliviar tensões

Embora a cúpula ocorra em momento de risco para a relação entre os países, o governo Biden tem buscado continuamente minimizar expectativas para reunião

Por  Bloomberg -

(Bloomberg) — O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, vai conversar na segunda-feira virtualmente com o líder chinês, Xi Jinping, com o objetivo de evitar um mal-entendido que poderia levar os rivais a um conflito militar, disse uma autoridade do governo americano.

Embora a cúpula ocorra em um momento de altos riscos para a relação entre os dois países, o governo Biden tem buscado continuamente minimizar as expectativas para a reunião, ao enfatizar que os EUA não pedirão resultados específicos.

As negociações acontecem quando as tensões entre os dois países aumentam em torno de questões relacionadas a Taiwan e restrições às vendas de tecnologia dos EUA para a China. O governo Biden escalou os temas para os presidentes depois de meses de negociações sem sucesso entre oficiais.

Biden e Xi falaram por telefone duas vezes este ano, mas esta é a primeira vez que a conversa está sendo tratada como cúpula. A última cúpula EUA-China em 2019 obteve resultados positivos durante a guerra comercial de Donald Trump justo antes da pandemia. As relações EUA-China mergulharam logo depois em uma série de disputas, que incluíram a origem da Covid-19, direitos humanos em Hong Kong e Xinjiang e ameaças à segurança nacional representadas por empresas chinesas.

No entanto, as tensões diminuíram um pouco após um avanço em uma questão importante para o governo de Pequim: a desistência, em setembro, de procedimentos de extradição no Canadá da diretora financeira da Huawei Technologies, Meng Wanzhou. Os EUA buscavam a extradição de Meng desde o governo Trump, e a questão se tornou um grande fator de tensão nos laços EUA-China.

Em outros tópicos, grupos de trabalho criados por ambos os lados conseguiram avançar no último mês em questões menores que se prolongaram por meses.

A cúpula virtual está marcada para segunda-feira à noite, no horário de Washington (manhã de terça-feira em Pequim). Não é esperada uma declaração conjunta depois da reunião.

Um dos principais fatores das negociações é a necessidade de ambas as partes estabelecerem mecanismos de proteção que garantam que a competição não se transforme em conflito, segundo a autoridade. Biden enfatizará a necessidade de tal abordagem em sua conversa com Xi, embora não esteja claro quais medidas específicas vai sugerir.

CDB com 300% do CDI? XP antecipa Black Friday com rentabilidade diferenciada para novos clientes. Clique aqui para investir agora!

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Compartilhe