Efeitos da guerra

Alemanha entraria em recessão se Rússia cortasse fornecimento de gás, diz estudo

No caso de uma paralisação da oferta, a inflação anual aumentaria para 7,3% este ano.

Por  Estadão Conteúdo -

A Alemanha entraria em uma recessão acentuada se as entregas russas de gás natural fossem cortadas, disseram os principais institutos econômicos do país, em relatório conjunto divulgado nesta quarta-feira, 13.

O grupo informou que uma interrupção no fornecimento reduziria o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) alemão para 1,9% este ano, em comparação com avanço de 2,7% em um contexto de manutenção da oferta. No ano que vem, a maior economia da Europa registraria contração de 2,2% se o gás parasse de fluir, ante expansão projetada de 3,1% no cenário-base.

No caso de uma paralisação da oferta, a inflação anual aumentaria para 7,3% este ano. Um congelamento reduziria o PIB da Alemanha em cerca de 220 bilhões de euros, ou US$ 239 bilhões, entre 2022 e 2023, disseram os think tanks.

O país europeu recebeu mais da metade de suas importações de gás da Rússia no ano passado e é fortemente dependente do combustível para aquecimento, geração de energia e produção industrial. Berlim está tentando reduzir essa dependência acelerando os investimentos em energia renovável e construindo terminais de gás natural liquefeito, mas até agora rejeitou um ao gás russo. Fonte: Dow Jones Newswires.

Procurando uma boa oportunidade de compra? Estrategista da XP revela 6 ações baratas para comprar hoje.

Compartilhe