Triunfo Part (TPIS3)

TRIUNFO PARTON NM

error_outline Atualizado 04/07/22 às 17h05. Delay 15 min
arrow_downward

1,07

-4.46%

1,05

1,14

405.031,00

Fechamento anterior 1,12
Abertura 1,11
Negócios 664,00
Volume$ 405031
Mín — Máx (Dia) 1,05 - 1,14
Variação (Dia) -4.46%
Variação (Mês) -4.46%
Variação (2022) -48.63%
Variação (52 semanas) -68.2%

Invista com corretagem zero

Sobre Triunfo Part

Sigla: TPIS3

Tipo: Ações

Setor: Holding

Receita Líquida R$ 988,09 M
Lucro Líquido (LL) R$ 28,81 M
Margem Líquida 2.91%
Ebitda R$ 366,27 M
Margem Ebitda 37.06%
Ativo Total R$ 2,96 B
Dívida Bruta R$ 1,68 B
Dívida Líquida R$ 1,63 B
Patrimônio Líquido (PL) R$ 879 M
Índice de preço sobre lucro (P/L) 6,74
Retorno sobre o PL (ROE) +3.27%
Retorno sobre o Capital (ROIC) +1.08%

A Triunfo Participações e Investimentos S.A. (TPI) é uma empresa brasileira que atua no setor de infraestrutura. Seu foco é em concessões rodoviárias, administração de aeroporto e terminal poortuário, além de energia elétrica.

Cerca de 1840 quilômetros de rodovias estão sob responsabilidade de três concessionárias da Triunfo, a Concebra, Econorte e Transbrasiliana. A empresa ainda detém 72% de participação na Concer, que administra 180 km da BR-040. Além disso, a Triunfo possui 24,5% de participação na administradora do aeroporto de Viracopos, em Campinas (SP).

No setor energético, a companhia detém 50,1% das ações da Tijoá, que gere a Usina Hidrelétrica Três Irmãos, em Andradina (SP).

A Triunfo Participações e investimentos foi criada em 1999 com ativos da Concepa, da Concer e da Econorte. No ano de 2002, a triunfo obtém o registro de companhia aberta na CVM.

Em 2007 passa a deter 100% das ações da Econorte. No ano seguinte se torna a controladora da Concepa. Em 2012 está no grupo que vence o leilão da concessão do Aeroporto Internacional de Viracopos.

No ano de 2014 tem início as atividades da Concebra e aquisição da Transbrasiliana.

Devido a crise econômica, em 2017 a empresa apresenta um pedido de homologação de Planos de Recuperação Extrajudicial. A execução começa em 2018. A empresa se compromete a usar os recursos decorrentes do desinvestimento de ativos para a redução de endividamento.

A Triunfo está listada na B3 com ações ordinárias (TPIS3) e também está no mercado fracionado (TPIS3F).

Seja sócio das melhores empresas da Bolsa: abra uma conta na XP Investimentos – é grátis!

Dados complementares fornecidos pela

Com dinheiro