Teto do ICMS

SP reduz ICMS sobre etanol e prevê queda de preços de até R$ 0,17 por litro

Medida terá um impacto de R$ 563 milhões na arrecadação estadual até o final do ano, disse o governo paulista

Por  Reuters -

O governo de São Paulo anunciou nesta segunda-feira (18) uma redução do ICMS cobrado sobre o etanol hidratado de 13,3% para 9,57%, estimando uma queda de R$ 0,17 nos preços nas bombas.

A medida terá um impacto de R$ 563 milhões na arrecadação estadual até o final do ano, disse o governo paulista, com uma renúncia de receita mensal estimada em 125,1 milhões de reais.

“Fiquem de olho e acionem o Procon se o valor (do combustível) não cair”, disse o governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (PSDB), em nota. Garcia buscará a reeleição ao Palácio dos Bandeirantes na eleição de outubro.

No mês passado, o Estado havia anunciado cortes do imposto estadual sobre a gasolina, o gás de cozinha e a energia elétrica, mas manteve inalterada a alíquota para o etanol hidratado.

A manutenção do patamar anterior de impostos para o etanol havia reduzido a vantagem de preços em relação à gasolina em São Paulo, que é maior mercado consumidor e produtor de etanol do Brasil, segundo analistas.

Calcule os custos para ter um carro
Baixe uma planilha gratuita que compara os gastos de um automóvel com outras opções de mobilidade:
Concordo que os dados pessoais fornecidos acima serão utilizados para envio de conteúdo informativo, analítico e publicitário sobre produtos, serviços e assuntos gerais, nos termos da Lei Geral de Proteção de Dados.
check_circle_outline Sua inscrição foi feita com sucesso.
error_outline Erro inesperado, tente novamente em instantes.

Compartilhe