Novidades

Sem apps do Google, Huawei anuncia smartphones P40 a partir de 799 euros

O modelo mais completo da linha, o P40 Pro Plus, custará 1.399 euros (cerca de US$ 1.540, na conversão direta) e será lançado em junho deste ano

Apresentação oficial dos novos produtos da Huawei para 2020
(Reprodução/Youtube)

SÃO PAULO – Em uma transmissão online na manhã desta quinta-feira (26), a Huawei, companhia chinesa de tecnologia, apresentou sua nova série de smartphones para 2020, o P40, o P40 Pro e o P40 Pro Plus.

Assim como os dispositivos topo de linha anteriores da Huawei incluíam um conjunto impressionantes sensores de câmera, os novos modelos do P40 apostam muito no novo conjunto de lentes e melhorias nos mecanismos de foto e vídeo. Porém, outros aspectos também chamam a atenção.

A companhia informou, ainda, as datas de lançamento dos celulares e os preços referentes a cada modelo. O P40 vai custar 799 euros (cerca de R$ 4.411 na conversão direta) e o P40 Pro deve sair por 999 euros (cerca de R$ 5.515, na conversão direta). Ambos chegarão aos mercados europeus no dia 7 de abril.

PUBLICIDADE

Já o modelo mais completo da linha, o P40 Pro Plus, custará 1.399 euros (cerca de R$ 7.724, na conversão direta) e será lançado em junho deste ano. No entanto, a Huawei não confirmou durante a conferencia quais países devem receber o aparelho.

Sem Google

Um dos grandes problemas que os novos P40 podem enfrentar na popularização dos modelos é a falta de todos aplicativos e recursos do Google nos produtos da Huawei.

Isso acontece porque, no ano passado, o governo dos EUA impediu as empresas dos EUA de manter um relacionamento comercial com a Huawei.

Para poder rodar seus aparelhos, a chinesa usa a versão de código aberto do sistema operacional Android, porém sem todos os principais recursos vinculados aos serviços do Google. Por exemplo, como alternativa a Play Store, a empresa possui sua própria loja de aplicativos e tenta compensar a falta de recursos da Google com programas e ferramentas marca.

Tela e acabamento

O P40 possui uma tela de 6,1 polegadas e uma resolução de 2340×1080 pixels, enquanto os dois modelos Pro têm tela de 6,58 polegadas e uma resolução de 1640×1200 pixels. Os três aparelhos possuem um display de 90 Hz.

No P40 Pro e P40 Pro +, a tela é curvada em torno das quatro bordas, incluindo as bordas superior e inferior do dispositivo – tecnologia chamada de “Overflow Display” pela companhia.

PUBLICIDADE

O P30 do ano passado apresentou um entalhe em forma de lágrima no centro do dispositivo, detalhe que não aparece nos modelos desse ano.

Como sempre, a Huawei oferece muitas opções coloridas para a parte traseira do dispositivo. Alguns acabamentos são foscos, como no iPhone 11 Pro, e outras são mais coloridas e brilhantes. No P40 Pro Plus ainda há uma opção de escolher por um acabamento externo feito de cerâmica reforçada nas cores branco ou preto.

Câmeras

De maneira semelhante ao que a Samsung fez com a sua linha S20, o maior recurso de diferenciação entre os três modelos anunciados são as câmeras.

No modelo mais simples, o P40, há um conjunto de três câmeras: uma principal de 52 megapixels, uma grande angular de 16 megapixels e uma câmera teleobjetiva de 8 megapixels com zoom óptico de 3x.

Assim como fez com a linha anterior do P30, a Huawei está mais uma vez usando um sensor RYYB, que segundo a empresa, absorve mais luz, resultando em um melhor desempenho em ambientes com baixa iluminação

O P40 Pro possui um sensor ToF (time of fligh), tecnologia que consegue determinar a distância entre objetos a partir da emissão de luz, aumentando a resolução de duas das três câmeras, principalmente em fotos em ambientes com pouca iluminação.

A câmera principal também conta com 52 megapixels, mas, no P40 Pro, a câmera grande angular possui uma resolução de 40 megapixels e a lente teleobjetiva tem 12 megapixels.

Já no modelo P40 Pro Plus, existem duas lentes teleobjetivas: uma lente de periscópio com zoom de 10x e outra com zoom de 5x. A Huawei afirma que isso significa que é possível obter as melhores fotos em distâncias médias e longas.

Juntamente com as duas lentes teleobjetivas, que possuem uma resolução de 8 megapixels, há uma câmera primária de 52 megapixels e uma grande angular de 40 megapixels. O sensor ToF do P40 Pro também está presente no modelo Pro Plus.

A empresa também adicionou um novo recurso chamado “AI Best Moment”. Quando esse modo está ativo, o telefone reconhece automaticamente quando deve capturar uma foto e registra diversas imagens, tentando pegar os melhores momentos da cena.

No exemplo mostrado no anúncio, o celular reconhece uma enterrada de basquete e tira a foto no momento em que o atleta está encostando no aro.

Processador, bateria e memória

Todos os três telefones são equipados com o mesmo processador 5G Kirin 990 e a Huawei confirmou que não haverá versões apenas 4G dos dispositivos.

O Pro e o Pro Plus incluem baterias de 4.200 mAh que podem ser carregadas em até 40 W, e o Pro Plus ainda suporta essa velocidade de recarga utilizando carregadores sem fio. Já P40 normal possui uma bateria de 3.800mAh e uma velocidade máxima de carregamento de 22,5W.

Os três modelos possuem 8 GB de memória RAM e diferem apenas no armazenamento interno. Enquanto o P40 e o P40 Pro possuem 128 GB e 256 GB de memória interna, respectivamente, o P40 Pro Plus conta com um armazenamento de 512 GB.

A resistência à água também difere entre os três telefones, com o Pro e Pro Plus classificado em IP68, enquanto o P40 é IP53 (o que significa essencialmente que o Pro e Pro Plus devem sobreviver completamente imersos em água, enquanto o P40 normal é projetado apenas para suportar chuva fraca). A certificação IP, sigla para Ingress Protection, é um índice que qualifica o quão resistente é um aparelho contra água e poeira.

Confira abaixo as especificações dos três novos modelos da Huawei:

EspecificaçõesP40P40 ProP40 Pro Plus
Lançamento7 de abril7 de abriljunho/2020
Preço799 euros999 euros1399 euros
Resolução2340×10802640×12002640×1200
Tamanho6,1 polegadas (15,4 cm)6,58 (16,6 cm)6,58 (16,6 cm)
ProcessadorKirin 990 5GKirin 990 5GKirin 990 5G
Memória interna128 GB256 GB512 GB
Memória RAM8 GB8 GB8 GB
Câmera traseiraprincipal de 52 MP RYYB, grande angular de 16 MP; teleobjetiva de 8 MP com zoom óptico de 3xprincipal de 52 MP RYYB; grande angular cinematográfica de 40 MP; teleobjetiva de 12 MP com sensor ToF e zoom óptico de 5xprincipal de 52 MP RYYB; grande angular cinematográfica de 40 MP; teleobjetiva de 8 MP com sensor ToF e zoom óptico de 5x; lente periscópica de 8 MP com zoom óptico de 10x
Câmera frontal32 MP32 MP32 MP + sensor ToF 3D
Bateria3.800 mAh4.200 mAh4.200 mAh

Outros anúncios

Além de anunciar a nova linha de smartphones, a Huawei mostrou ao público outros produtos, como a nova assistente inteligente da marca, os novos smartwatches até mesmo um óculos de sol inteligente.

O Sound X é uma caixa de som Bluetooth de 360 ​​graus de uma matriz de seis alto-falantes. Segundo a empresa, uma atualização futura deve implementar a Celia, assistente de voz da Huawei, no Sound X.

Já o Huawei Watch GT é o novo smartwatch da companhia, com melhorias no monitoramento cardíaco do usuário e novas interações com outros produtos da Huawei. A empresa também anunciou a versão GT2e, uma versão especial feita para a prática de esportes, com alça integrada, caixa de aço inoxidável, até duas semanas de duração da bateria e, é claro, diversos modos esportivos e aplicativos de treino.

A marca também apresentou dois novos modelos dos seus óculos inteligentes, o Gentle Monster Eyewear.

O novo design faz parte da coleção Primavera / Verão 2020 e possui alto-falantes duplos melhorados e também suportam carregamento sem fio.

Além do cancelamento de ruído, eles permitem que os usuários possam atender/encerrar chamadas e controlar a reprodução de músicas com gestos. O óculos deve vir equipado com a assistente inteligente da Huawei, a Celia.

Aprendizados em tempos de crise: uma série especial do Stock Pickers com as lições dos principais nomes do mercado de ações. Assista – é de graça!