Fique atento

Radares de velocidade média de SP flagraram 230 mil infrações em um mês

A medida foi adotada, a princípio, somente na capital paulista com o objetivo de educar os motoristas a não reduzir a velocidade somente ao passar em radares.

Por  Júlia Miozzo

SÃO PAULO – Desde o início de novembro, 230 mil motoristas receberam notificações da CET por terem dirigido aicma do limite máximo nas quatro vias da capital paulista onde foram instalados radares de monitoramento por velocidade média, informou a CET. Os radares de velocidade média foram instalados no dia 1º de novembro.

As vias onde a fiscalização acontece são nas avenidas Jacu-Pêssego, 23 de Maio, Bandeirantes e na pista expressa da Marginal Tietê. A primeira foi a que teve maior número de motoristas autuados, cerca de 221 mil.

A fiscalização funciona da seguinte forma: quando o veículo passa pelo primeiro radar, a velocidade e o horário são registrados; é considerada uma infração se o motorista alcançar o segundo radar antes do tempo previsto, segundo a CET. Na prática, a medida avalia se o condutor reduziu a velocidade somente antes de passar pelos radares.

Os motoristas que cometem a infração não são punidos, mas sim uma carta de advertência. Para que os motoristas infratores sejam punidos com multa e pontos na CNH, ainda é necessário que a multa seja regulamentada em âmbito federal.

A medida foi adotada, a princípio, somente na capital paulista com o objetivo de educar os motoristas a não reduzir a velocidade somente ao passar em radares.

Compartilhe