Qualidade de crédito ao consumidor na região Sul se mantém acima da média

Na região, índice foi de 84,9 pontos. Região Norte registrou pior qualidade (76,1), enquanto média nacional é de 80,0

SÃO PAULO – A região Sul segue com a melhor qualidade de crédito ao consumidor do Brasil, segundo indicou a Serasa Experian. O local registrou uma marca de 84,9 pontos no quarto trimestre do ano passado, acima da média nacional, de 80,0.

Em segundo lugar está a região Sudeste, com 80,4, seguida pelo Centro-Oeste (78,7). Já o Nordeste e a região Norte registraram as piores marcas, de 78,4 e 76,1 respectivamente.

Faixa de renda
Considerando as faixas de renda dos consumidores, a classe que ganha até R$ 500 por mês possui o pior índice, de 75,6. O resultado evidencia o maior risco de endividamento dos consumidores deste segmento.

Segundo os técnicos da Serasa, a qualidade de crédito do consumidor tende a ser positivamente correlacionada com a sua renda.

Os consumidores com ganhos mensais acima de R$ 10 mil possuem a melhor marca, de 93,5, próximo à pontuação máxima de 100. 

Em seguida estão as pessoas com ganhos entre R$ 5 mil e R$ 10 mil, com 91,9 pontos, enquanto os indicadores dos consumidores com ganhos de R$ 2 mil a R$ 5 mil e de R$ 1 mil a R$ 2 mil são de 84,9 e 83,9, na ordem.

Crédito
A qualidade do crédito ao consumidor manteve-se estável no quarto trimestre do ano passado. Com isso, o indicador permaneceu nos 80,0 pontos.