AO VIVO Por Dentro dos Resultados: CFO da Iguatemi fala sobre os números da empresa e o futuro dos shoppings; assista

Por Dentro dos Resultados: CFO da Iguatemi fala sobre os números da empresa e o futuro dos shoppings; assista

Viagem de fim de ano?

Passagens aéreas na Black Friday: estudo sugere preços mais baixos na data este ano

O estudo do Kayak mostrou que 12 dos 15 destinos mais buscados pelo brasileiros apresentaram passagens com descontos durante a Black Friday do ano passado

Mulher de costas olhando um avião decolar
(Shutterstock)

SÃO PAULO – De olho na Black Friday deste ano, o Kayak, plataforma de planejamento de viagens e comparação de preços, elaborou um levantamento para entender como os preços das passagens aéreas se comportaram durante o evento no ano passado, visando antecipar as tendências da temporada de descontos de 2019 para o setor de turismo.

O estudo da plataforma foca não apenas na semana da Black Friday em si, mas também analisa a variação de preços nas semanas que antecedem e sucedem a data.

“Novembro é o mês com o maior volume de buscas no nosso site, cerca de 40% a 50% maior que outubro, por exemplo”, afirma Eduardo Fleury, líder de operações do Kayak no Brasil ao InfoMoney.

“Isso mostra que, de fato, a Black Friday é muito relevante para o turismo. E já podemos ver o setor se preparando melhor para a data”, conclui.

Dados e metodologia da pesquisa

A pesquisa foi feita utilizando a base de dados do Kayak para buscar por voos de ida e volta na classe econômica saindo de todos os aeroportos do Brasil para todos os aeroportos do mundo. Para determinar as cidades, foram avaliados os 15 destinos mais buscados pelos brasileiros em 2018.

O período de buscas considerado foi a semana antes da Black Friday (16 a 22 de novembro), a da Black Friday (23 a 26 de novembro) e a semana depois da Black Friday (27 de novembro a 02 de dezembro).

Leia também:
5 coisas que você não deve comprar na Black Friday de 2019
Os destinos internacionais com o melhor custo-benefício para 2020
Black Week InfoMoney: 50% OFF em mais de 40 cursos e relatórios

Como mostra o estudo, as passagens para Salvador apresentaram uma média de desconto de 17,7% durante a semana da Black Friday. Já para destinos internacionais, entre as rotas mais buscadas pelo brasileiros, as passagens para Orlando apresentaram o melhor desconto real para viagens para o exterior, ficando, em média, 17,5% mais baratas na semana da Black Friday.

Fleury adverte que, embora o estudo do Kayak revele certas tendências para o mercado de passagens aéreas para Black Friday de 2019, há outras variáveis que impactam muito no preço das passagens.

Ainda que o passageiro compre durante a data, fatores como antecedência e horário do voo influenciam diretamente no preço da passagem.

“Ao contrário de outros produtos vendidos no varejo, como televisões e eletrodomésticos, a passagem aérea é, por definição, um produto com preço variável sempre. É importante que o passageiro fique de olho em tudo que permeia a passagem, já que esse é apenas um dos diversos gastos ao planejar uma viagem”, explica o executivo.

Invista para aproveitar melhor a vida: abra uma conta gratuita na XP

Confira na tabela abaixo o levantamento realizado pelo Kayak:

Destinos mais buscados em 2018

Preço médio de passagens uma semana antes

Preço médio de passagens durante a Black Friday

Variação em relação à semana anterior

Preço médio de passagens uma semana depois

Melhor data para comprar (em novembro/2018)

1. São Paulo

R$ 627

R$ 604

– 3,6%

R$ 668

Na Black Friday

2. Rio de Janeiro

R$ 718

R$ 692

– 3,6%

R$ 752

Na Black Friday

3. Salvador

R$ 972

R$ 800

– 17,7%

R$ 868

Na Black Friday

4. Recife

R$ 1.054

R$ 988

– 6,3%

R$ 1.042

Na Black Friday

5. Fortaleza

R$ 1.126

R$ 1.024

– 9%

R$ 1.140

Na Black Friday

6. Lisboa

R$ 3.606

R$ 3.524

– 2,2%

R$ 3.724

Na Black Friday

7. Miami

R$ 2.828

R$ 2.852

+ 1%

R$ 3.558

Uma semana antes

8. Maceió

R$ 1.356

R$ 1.142

– 15,8%

R$ 1.265

Na Black Friday

9. Buenos Aires

R$ 1.376

R$ 1.536

+ 11,6%

R$ 1.622

Uma semana antes

10. Porto Alegre

R$ 856

R$ 874

+ 2,1%

R$ 913

Uma semana antes

11. Orlando

R$ 3.788

R$ 3.217

– 17,5%

R$ 3.622

Na Black Friday

12. Natal

R$ 1.192

R$ 1.120

– 6%

R$ 1.212

Na Black Friday

13. Florianópolis

R$ 866

R$ 808

– 6,7%

R$ 850

Na Black Friday

14. Porto Seguro

R$ 1.018

R$ 996

– 2,1%

R$ 996

Na Black Friday

15. Brasília

R$ 680

R$ 655

– 3,7%

R$ 850

Na Black Friday

Como mostra o estudo, a grande maioria dos destinos mais buscados apresentaram queda real de preço durante a Black Friday. Para Fleury, a data deve acompanhar a tendencia de promoções do ano passado, além de ser um “termômetro de efeito econômico de situações de crise” para o turismo.

“O turista vai, de fato, encontrar preços promocionais, tanto para destinos nacionais e internacionais. Além disso, acho que a data deve servir como um termômetro de efeito econômico de situações de crise, já que veremos como eventos drásticos, como a mancha de petróleo no nordeste, a crise na Argentina e a violência no Chile, devem afetar o planejamento de viagem dos brasileiros”, explica Fleury.

“O Nordeste e os países latinos são frequentes nos itinerários dos turistas brasileiros. Logo, podemos ver os efeitos dessas crises na procura para esses destinos durante a Black Friday”, afirma.

O executivo ainda lembra que, embora seja importante garantir o menor preço possível na passagem, o deslocamento é apenas um dos vários gastos que permeiam uma viagem. Para Fleury, a organização e o planejamento financeiro são tão ou mais importantes que efetivamente garantir promoções.

“Ainda que seja bom pagar menos, ela [passagem aérea] é apenas um dos custos da viagem. Caso o passageiro esteja procurando economizar, planejamento, análise de preferências e organização financeira são tão ou mais importantes quanto conseguir aproveitar promoções”, conclui Fleury.

O especialista explica que, mesmo que a data da Black Friday tenha começado ofertando produtos eletrônicos com menores preços e seja lembrada como oportunidade para comprar esse tipo de item, o setor de turismo está amadurecendo ano a ano na data.

“O mercado de turismo no Brasil foi se amadurecendo também, ficando cada vez mais digital. Já podemos ver o turismo se preparando muito melhor para a data”, conclui o executivo.

Aproveite as oportunidades para fazer seu dinheiro render mais: abra uma conta de investimentos na XP – é de graça