Cuidado

Os produtos que ficaram mais caros antes da Black Friday

Pesquisa da Fipe/Buscapé descobriu que brinquedos e games tiveram aumento acima do IPCA  

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Quando comprar na Black Friday, não se esqueça de analisar se realmente houve queda nos preços. De acordo com pesquisa da Fipe, em parceria com o Buscapé, algumas categorias de produtos já sofreram aumento de preço ao longo do ano, antes da data.

Entre janeiro e outubro – mês imediatamente anterior à Black Friday – a categoria Brinquedos e Games teve aumento de 5,3% na média dos preços. No mesmo período, o IPCA teve incremento de 2,2%. Outras categorias que viram o mesmo movimento foram Eletrônicos, Cosméticos e Perfumaria e Casa e Decoração.

Aprenda a investir na bolsa

De acordo com pesquisa do Ebit, a Black Friday deve movimentar R$ 2,1 bilhões neste ano – aproximadamente 15% a mais que o valor vendido no ano passado.

Cuidados

Para evitar comprar produtos com preços “maquiados”, é interessante entrar em sites de monitoramento de preços, como o próprio Buscapé e o Zoom. Lá, é possível observar a curva de valores desde meses antes.