InfoMoney Testou

Novo Sportage vem mais moderno e com visual refinado; veja nossas impressões

O carro, de modo geral, traz uma experiência positiva ao motorista e evoluiu em relação ao seu antecessor

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Em um momento complicado para o mercado automotivo no Brasil, o Sportage é o verdadeiro queridinho da montadora coreana Kia no Brasil. O veículo é a principal vitrine na companhia e desejado por muitos motoristas. Com essa responsabilidade nas costas, a empresa lançou a nova geração de seu SUV. O InfoMoney testou o carro e conta, a seguir, suas impressões sobre ele.

O novo design do carro o deixou ainda mais harmonioso, com dianteira e laterais mais elevadas, chamam atenção os faróis de neblina do carro, com luzes de Led e divididos em quarto blocos. O carro ainda está mais comprido e mais alto, mas, mesmo assim, a sensação ao vê-lo é que o tamanho foi mantido, uma vez que ele passa um ar mais simpático do que truculento.

O interior do Sportage agrada ao motorista. O banco tem regulagens automáticas que funcionam bem e uma boa ergonomia. O volante tem bom acabamento e conta com funções bastante intuitivas. Faltaram, no quadro de instrumentos, medições de consumo, mas ele funciona bem. O grande destaque do interior fica com seu generoso teto solar panorâmico.

O carro conta com sensor de estacionamento e alerta de ponto cego que ajudam a manter a atenção e segurança do motorista. Nesse quesito, o ponto a ser melhorado é a visualização do sensor. Ao esterçar o veículo, o volante cobre a o quadro de instrumentos e faz com que não seja possível enxergar em quais direções o Sportage estaria próximo de uma colisão com uma pilastra ou uma parede, por exemplo.

Ao dirigir, o carro responde satisfatoriamente aos comandos, o motor 2.0 com 167 cavalos de potência entrega um bom trabalho e a transmissão automática de seis marchas consegue realizar as trocas sem grandes dores de cabeça – apenas poderia ter um melhor desempenho em subidas. As suspensões independentes fazem com que seja um carro bastante macio, como se espera para a categoria, mas nem sempre acontece.

A versão completa, testada pelo InfoMoney, sai por R$ 134.990. Isso faz com que o carro se posicione acima da média do mercado de SUV e venha bater de frente com concorrentes premium da categoria.