Oferecido por

Grupo Carnaúba atinge captação histórica na XP e aquece o mercado imobiliário de luxo no Ceará

Após levantar cerca de R$ 140 milhões, o grupo desenvolverá o primeiro beach club para amantes do kitesurf, na Praia da Preá, o Carnaúba Wind House

MoneyLab

Publicidade

Situada a apenas 15 minutos do aeroporto de Jericoacoara, a Praia do Preá encantou o empresário Julio Capua, ex-CFO da XP e cofundador da holding Grupo Carnaúba. Apaixonado por kitesurf, Capua sonhava em unir negócio e propósito, um desejo que está se transformando em realidade por meio de empreendimentos imobiliários baseados em tendências sustentáveis.

O sonho nasceu com o condomínio de alto padrão Vila Carnaúba, que será integrado à natureza, com o mote pé na areia – e sem permissão para o ingresso de veículos a combustão. Agora, a nova aposta do Grupo é o beach club Carnaúba Wind House, que combina flexibilidade em hospedagem cinco estrelas e estrutura de clube para prática de esportes de vento. Junto a outros projetos no radar do Grupo, a proposta é transformar o Preá no primeiro destino turístico planejado do Brasil.

“O Wind House é um produto imobiliário inovador, versátil e stress free, com estrutura de clube, conforto de hotel e sensação de pertencimento de casa. É uma oportunidade única de ter uma casa de luxo em um lugar paradisíaco, com a melhor experiência de lifestyle sem preocupação com manutenção”, destaca Julio Capua, acrescentando que a proposta é atender não só o atleta de kite, mas oferecer estrutura para sua família, incentivando o destino como uma opção familiar.

O projeto beira-mar será construído dentro de uma área de 12 milhões de metros quadrados, adquiridos por Capua e por um grupo de empresários próximos ao executivo, que investiram inicialmente R$ 150 milhões para dar início ao projeto. Este ano, o projeto ganhou contornos com o lançamento do fundo imobiliário FII XP Grupo Carnaúba junto à XP Asset Management, tornando-se a maior captação da história da gestora para investidores profissionais – no âmbito da primeira emissão e IPO –  e que, após o follow-on, atingiu aproximadamente R$ 140 milhões para impulsionar o crescimento da região.

O beach club

O Carnaúba Wind House está sendo construído em terreno beira-mar e conta com a assinatura dos renomados arquitetos Miguel Pinto Guimarães e Sergio Conde Caldas. A previsão de inauguração é para 2025, mas as primeiras casas e a estrutura inicial do clube para os sócios-fundadores começam a ser disponibilizadas já em 2024.

O projeto completo prevê um clube com 170 acomodações, que oferecerá estrutura de hotel-resort 5 estrelas, incluindo spa, academia, restaurantes, mini-mall, kids camp, business hub, quadras de tênis e beach tennis.

O modelo inovador permite que o titular do título de sócio do clube usufrua de diversos formatos de hospedagem – bangalôs de uma a quatro suítes –  no Preá, em qualquer época do ano, sem preocupação com a administração ou manutenção. O beach club deve oferecer, ainda, passeios de aventuras pela região de mar e dunas, para grupos e individualmente. 

Os títulos do clube garantirão aos seus titulares crédito vitalício de até R$ 100 mil para uso em diárias, sem datas ou formato de hospedagem preestabelecidas. O crédito poderá ser convertido em estadias ao longo do ano, variando de acordo com o período e tipo de acomodação escolhida. Caso as diárias não sejam totalmente utilizadas, poderão ser colocadas à venda pela Central de Reservas, e o valor obtido retorna ao sócio. 

O sistema de reservas será no formato ‘first come, first serve’, com prioridade aos sócios e flexibilidade de até 13 meses de antecedência. Para completar, apenas parte das acomodações estarão disponíveis ao público externo, como um hotel. “Nosso modelo permite que o sócio adquira um título patrimonial vitalício com flexibilidade de hospedagem tanto na alta quanto na baixa temporada, e liberdade para revenda futura e retorno em monetização”, aponta Alexia Bergallo, Head de Produtos do Grupo Carnaúba.

Visão de longo prazo

O Carnaúba Wind House deve gerar mais de 150 empregos diretos e cerca de 450 indiretos. Por meio do braço social do Grupo, o Instituto Camboa, e em parceria com a Federação das Indústrias do Ceará (FIEC), o Sesi e o Senai, a região ganhou a implementação de cursos profissionalizantes nas áreas de hotelaria e construção civil, que contaram com mais de 400 inscrições para as 100 vagas do curso-piloto, que começou no mês de outubro. O investimento atende a missão e propósito do Grupo Carnaúba, ancorados no tripé de desenvolvimento imobiliário, visão do entorno e impacto positivo. 

Além disso, com o objetivo de gerar impacto positivo, preservando a comunidade local e protegendo o meio ambiente, o Instituto Camboa já realizou dois projetos-piloto na região: o “Pronto”, um hub de saúde que atendeu a moradores e turistas em parceria com o SUS, na alta temporada; e o “Mais Vida, Menos Lixo”, um hub de gestão de resíduos com adesão de 97% da comunidade local, que já neste primeiro momento promoveu uma taxa de reciclagem quatro vezes maior do que a média brasileira. Também há um esforço para gerar soluções de energia sustentáveis provenientes de fontes renováveis e limpas. 

“É um projeto de vida, algo de longo prazo. Queremos deixar um legado para futuras gerações. Imaginamos uma região com conforto, com atrativos turísticos, gastronômicos e amenities para toda família desfrutar desse refúgio paradisíaco”, resume Capua. 

Comunidade do kitesurf

Conhecida como a meca do kitesurf, com 07 meses de ventos alísios no ano e águas mornas, o Preá é considerado o melhor lugar do mundo para a prática de esportes de vento. Pensando na particularidade da região e na comodidade dos atletas e iniciantes, o Carnaúba Wind House disponibilizará aos seus hóspedes a infraestrutura completa de uma escola de kitesurf, operada pelo Rancho do Kite, a maior das Américas. 

A iniciativa visa criar um senso de comunidade entre seus sócios, proporcionando uma experiência de comunhão com a natureza, relaxamento e conforto. Nos próximos anos, a costa da Praia do Preá funcionará de forma similar às estações de esqui, com bases de apoio de downwind, oferecendo suporte para montagem e desmontagem do  equipamento e translado de volta para o clube – o que o Grupo apelidou de “Pista do Vento”.

A energia da região contagiou o renomado chef e empresário Felipe Bronze, que descobriu um novo hobby fora das cozinhas e agora se aventura dentro do mar. “Desde que coloquei os pés aqui, foi amor à primeira vista. Esse é o lugar que mais me faz feliz na vida. Todo mundo precisa conhecer isso aqui”, declara. A paixão foi tanta que Bronze se tornou embaixador do Wind House. “Acho difícil alguém vir para cá e não ser mordido pelo bichinho do kite, como eu fui. Por isso, gosto da proposta do clube, pensado para quem veleja e para quem ama bons restaurantes e outras atividades com a família”, acrescenta. 

Além de Felipe Bronze, a proposta tem atraído outros nomes de peso, como a apresentadora Glenda Kozlowski, o empresário Álvaro Garnero e o ex-judoca Flávio Canto, que também se tornaram embaixadores do Carnaúba Wind House. 

MoneyLab

MoneyLab é o laboratório de conteúdo de marcas do InfoMoney. Publicidade com criatividade e performance a favor de grandes ideias. Publicamos conteúdos patrocinados para clientes e parceiros.