Com alta de 50 p.b. na Selic, juros ao consumidor ficam em 120,96% ao ano

Confira, com a decisão do Comitê, as taxas de juros nas várias modalidades de crédito ao consumo e às empresas

SÃO PAULO – Depois de três reuniões seguidas optando pelo manutenção, o Copom (Comitê de Política Monetária) decidiu, no encontro encerrado nesta quarta-feira (19), por um aumento de 50 pontos-base na Selic, que passa de 10,75% para 11,25% ao ano.

Assim, a taxa média anual cobrada nas operações de crédito ao consumidor fica em 120,96% ao ano (6,83% mensais), segundo dados da Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade). Para as empresas, a taxa média fica, com a alta, em 57,17% ao ano (3,84% mensais).

    No bolso
    As tabelas abaixo mostram as taxas de juros nas várias modalidades de crédito ao consumo, assim como nas linhas de crédito para empresas.

    OperaçãoTaxa Anterior
    (% a.m.) 
    Taxa Atual
    (% a.m) 
    Pessoa Física
    Comércio5,69%5,73%
    Cartão de Crédito10,69%10,73%
    Cheque Especial7,57%7,61%
    CDC Bancos2,40%2,44%
    Bancos
    Empréstimo Pessoal
    4,77%4,81%
    Financeiras
    Empréstimo Pessoal 
     9,64% 9,68%
    Empresas
    Capital de Giro 3,08% 3,12%
    Desconto de Duplicata 3,08% 3,12%
    Conta Garantida 5,23% 5,27%