Radar InfoMoney Light vende fatia na Renova Energia por R$ 1; Vale produz 86,7 milhões de toneladas de minério no terceiro tri e mais destaques

Light vende fatia na Renova Energia por R$ 1; Vale produz 86,7 milhões de toneladas de minério no terceiro tri e mais destaques

Março

Apple já tem data para lançamento de seu serviço concorrente da Netflix

Evento no dia 25 de março revelará o serviço; astros de Hollywood foram convidados  

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – A Apple deve lançar dois novos serviços por assinatura no dia 25 de março, revelou a Bloomberg na última quarta-feira (14). Estrelas de Hollywood, como a atriz Jennifer Aniston e o diretor JJ Abrams, foram convidadas para o evento, o que reforça que uma das novidades será o aguardado serviço de streaming da gigante; 

Segundo fontes do site, o serviço é bastante similar ao oferecido pela Netflix ou Amazon Prime Video, com séries, programas de TV e filmes, tanto de criação própria como adquiridos de outras empresas. Pago, ele será lançado no verão dos Estados Unidos (correspondente ao inverno do hemisfério sul).

Provavelmente, esse serviço de streaming será integrado ao app da Apple TV em iPhones, iPads e a própria Apple TV. Parte do conteúdo terá gratuitade – hoje, a Apple já oferece títulos como Planet of the Apps e Carpool Karaoke para quem não tem assinatura.

PUBLICIDADE

Outro serviço será integrado ao aplicativo de notícias Apple News. A assinatura permitirá acesso a um número de notícias mensalmente. Não há ainda grandes definições sobre o formato ou as parcerias fechadas neste serviço, mas o Buzzfeed reportou que sua apresentação ao público também será no dia 25 de março.

Funcionários da Apple já testam o novo aplicativo de notícias há meses. Ele será lançado junto ao iOS 12.2, cuja data de estreia está marcada para a primavera dos EUA (outono brasileiro).

Para analistas, a aposta em serviços é essencial para a Apple em um momento de queda brusca (e aparentemente irreversível) nas vendas de iPhones – maior fonte de receita da empresa.

O Apple Music já tem 50 milhões de usuários, e especula-se que a empresa possa unificar todos os seus serviços em um só pacote, nos moldes do Amazon Prime.

Invista melhor o seu dinheiro. Abra uma conta gratuita na XP.