Você em 2051

Você já parou para pensar que, com planejamento, você pode trabalhar apenas por prazer, que pode viver de renda?

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre

O ano era 1991. E você, uma criança que já negociava: se conseguisse fazer a lição de casa logo depois do almoço, poderia assistir à Sessão da Tarde. Nesse dia em especial, acelerou na lição pois ia passar “De Volta para o Futuro 2”, um dos seus preferidos.

Nesse filme, o protagonista Marty McFly entra em uma máquina do tempo, saindo do ano de 1985 e desembarcando em 2015. Entre as inúmeras situações que o filme apresenta, você se depara com uma cena marcante: Marty encontra com o seu “eu 30 anos mais velho”.

Lá, ele descobre que não realizou seu sonho de se tornar uma estrela do rock e, pior: acaba de ser demitido do trabalho que nitidamente odiava. Só estava ali por falta de opção.

Aí, você se pergunta: será que Marty não tinha um plano B? E será que eu quero ser assim “quando crescer”? Afinal, quais alternativas de vida ele poderia ter construído nesses 30 anos? As respostas são infinitas, certo?

Chegamos em 2021. Agora você reflete sobre o que você construiu nesses últimos 30 anos e o que poderia ter feito de diferente. Mas, antes de se culpar e conjecturar inúmeras alternativas, de repente aparece a máquina do tempo na sua frente – e você avança três décadas no futuro.

Você desembarca em 2051. Com o desenvolvimento contínuo da medicina, a expectativa de vida explode. Um bebê de 2051 viverá mais de 100 anos.

Com a contínua queda nos níveis de fertilidade, a população jovem do mundo diminuiu proporcionalmente. Em 2051, a cada 4 pessoas, uma estará acima dos 60 anos de idade.

E você é uma delas. Em 2051 você estará com 60, 70 ou 80 anos? A população acima de 80 em 2021 é de aproximadamente 145 milhões, já em 2051 baterá os 430 milhões!

O mercado de trabalho em 2051 muda bastante. Com o envelhecimento da população, quase todos os países enfrentam pressões fiscais para manter sistemas públicos de saúde, previdência e proteção social para pessoas idosas.

PUBLICIDADE

Aprenda os conceitos iniciais sobre finanças e comece a investir

Diante da realidade desses números, você para de se preocupar sobre quando vai envelhecer e começa a pensar em como vai envelhecer. Afinal, quais são os pilares de uma vida longa e com qualidade?

Segundo os japoneses, o como realmente faz toda a diferença e o mais importante para uma vida longa é encontrarmos o nosso “ikigai”. De acordo com os nativos de Okinawa, a ilha com maior índice de centenários no mundo, o “ikigai” é a razão pela qual levantamos de manhã.

Para além do propósito de vida, sabemos que a longevidade com qualidade exige o cultivo de bons hábitos, como manter o corpo ativo diariamente, se alimentar bem, dormir o suficiente, manter relacionamentos saudáveis, controlar o stress, a ansiedade e, claro, uma situação financeira que te permita essa vida confortável.

Em 2051 (ou até bem antes) você não quer precisar de trabalhar para viver. Como você se enxerga em 2051? Será que alcançou o que planejou?

Aliás, você planejou?

Você já parou para pensar que, com planejamento, você pode trabalhar apenas por prazer, que pode viver de renda?

Recentemente, na Expert XP, falei sobre os ciclos de produtividade e sobre o poder dos juros compostos.

PUBLICIDADE

Costumamos subestimar o nosso tempo a mais de vida e não poupamos e investimos como deveríamos. Começar a poupar, aprender a investir e construir uma carteira sólida e diversificada é um dos melhores planos para a sua independência.

Um pequeno exemplo. Se você investir R$ 1.000 por mês de forma conservadora (6% ao ano) você terá aproximadamente 1 milhão de reais em 30 anos. Já o mesmo investimento mensal com apenas 12% de rentabilidade te faz passar dos 3 milhões.

Então, como você quer chegar em 2051? Quando você vai começar a se preparar para uma aposentadoria próspera, saudável e livre?

Comece a trabalhar hoje pela sua versão do futuro, pelo seu “eu de 2051”. É mais fácil do que você pensa.

Thiago Godoy

É head de educação financeira da XP Inc. e especialista em psicologia do dinheiro e bem-estar financeiro. É mestre pela FGV – Tese em Educação Financeira, especialização em Sustentabilidade (University of British Columbia), tem MBA em Marketing (FGV) e graduação em administração (UFJF). Foi diretor de mobilização de recursos e relações governamentais da Associação de Educação Financeira do Brasil, atuando especialmente com populações de baixa renda e escolas públicas. Também atuou com desenvolvimento institucional na Dialogue Direct e Children International (EUA), Fundação Vida Plena (Bolívia), Projuventude e Comitê para Democratização de Informática (Brasil). Instagram: @papaifinanceiro