O voto e a carreira

É grande o número de pessoas que não compreendem que existe uma conexão direta entre o voto e a vida profissional. As empresas e as profissões estão submetidas às leis, e são os políticos que as fazem. Quando o indivíduo não se interessa por eles, vota de maneira inconsciente. Para essa pessoa, uma crise econômica sempre parece surgir de repente, sua carreira é interrompida abruptamente, e não se sente com poder sobre os fatos.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre

É grande o número de pessoas que não compreendem que existe uma conexão direta entre o voto e a vida profissional. As empresas e as profissões estão submetidas às leis, e são os políticos que as fazem. Quando o indivíduo não se interessa por eles, vota de maneira inconsciente. Para essa pessoa, uma crise econômica sempre parece surgir de repente, sua carreira é interrompida abruptamente, e não se sente com poder sobre os fatos.

A causa disso é que a maioria não se interessa por temas mais profundos e que conectam as notícias à sua carreira no curto e longo prazo. Sem esse interesse, é impossível preparar-se apropriadamente para as contrações econômicas, criar e proteger sua riqueza pessoal e assegurar sua renda no longo prazo.

 Uma boa solução é, paulatinamente, compreender essas conexões e, principalmente, saber como elas afetam sua vida.

É difícil alguém fazer dinheiro se não se interessar em como funcionam os tributos. A renda advinda do salário é a mais tributada de todas. Não é por outro motivo que o governo deseja que todos tenham emprego com carteira assinada. Afinal, cada trabalhador é uma excelente fonte de renda para ele, governo. É por essa razão que as pessoas deveriam se interessar mais em saber como ter renda de outras fontes, com menor incidência tributária.

Além, disso, não adianta muito você ser promovido e ganhar um aumento, se a inflação também aumentar. É como correr em uma esteira. O deslocamento real é zero, embora você fique muito cansado. E a inflação deriva das ações de quem está no governo.

Todos os países do mundo, exceto um, têm grande interesse em atrair investidores. Neste exato instante, Estados Unidos e China, por exemplo, lutam por eles. O Brasil, por outro lado, possui a pior carga tributária do mundo. A cada instante um político cria ou altera uma lei que mexe com os tributos. Como todo investimento é uma equação matemática, na qual um dos fatores é a carga tributária, qualquer alteração nela mexe com o resultado final – para menor, em geral. Por que um investidor colocaria seu dinheiro em um país desses? Com investimento menor, temos um declínio na quantidade de empresas relevantes e, consequentemente, menos oportunidades para sua carreira.

Alguns temas para as pessoas se interessarem: petrodólares, sistema bancário por reserva fracionária, moeda fiduciária, classes de investimentos, renda ordinária, de portfólio e passiva. São assuntos abrangentes, mas, a cada dia, são eles que geram as notícias mais relevantes para sua profissão e sua vida como um todo.

É importante que a pessoa aprenda um pouco por dia a respeito deles. É esse aprendizado constante que contribui de forma decisiva para a evolução de sua carreira.

Que esse conhecimento faça o indivíduo ver um mundo no qual tem um poder muito maior do que imagina para antever problemas, proteger sua carreira, sua renda e aproveitar oportunidades.

É o seu voto que propaga essa pequena e difícil noção, que constrói não apenas sua profissão, mas também grandes nações ao longo das eras: as pessoas deveriam ser mais livres!

Vamos em frente!

Silvio Celestino

É coach de gerentes, diretores e CEOs desde 2002. Também atende a executivos que desejam assumir esses cargos. Possui certificação e experiência internacional em coaching. Foi executivo sênior de empresas nacionais e multinacionais na área de Tecnologia da Informação. Empreendedor desde 1994.