Seis etapas para construir um negócios online

Investir em empreendimentos online é valido somente para quem faz cursos e entende de internet, certo? Errado!  Na maioria das vezes, quem vai por esta linha de raciocínio, não verá seu empreendimento alcançar o sucesso pelo fato de ter ignorado algumas etapas essenciais.  Enumerei seis etapas essenciais para um negócio online seja construído da forma ideal. Confira abaixo.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre

 Em pleno “boom” digital, muitos profissionais liberais ou mesmo empresários, acreditam que podem ficar ricos em negócios online, como se trocassem de roupa de um dia para o outro. Para 90% dos negócios que fracassam, este é um dos principais motivos. 

Se você vai ler este artigo e tem o mesmo pensamento, nem continue a ler. Pode partir para outro artigo, em portais sensacionalistas, pois aqui a ideia é mostrar que para obter lucro, é necessário de, no mínimo, 6 a 9 meses de dedicação em um negócio digital. 

 Agora se você quer mesmo empreender de forma sustentável e de forma assertiva, veja as dicas que enumeramos abaixo. 

PUBLICIDADE

São seis no total: Base; Vendas em Marketing; Conteúdo; Estrutura Digital; Tráfego e Análise. 

 

Confira abaixo as minhas dicas, em um vídeo feito exclusivamente para vocês, leitores do Portal Infomoney

1º – Base –  A primeira pergunta a ser feita, antes de empreender é : Qual deve ser o posicionamento da minha empresa junto aos meus clientes? As respostas serão encontradas na definição da missão, visão e valores de sua empresa. E é a partir desta base de informações que será levantada a identidade da sua persona ou característica de seu cliente, desde os seus sonhos, até como se comportam na rede. O mais importante de tudo isto é “nunca vender o que o cliente precisa, mas sim o que ele quer”.

2º – Vendas em Marketing – Após definida a sua base de clientes a serem trabalhados, é a hora de desenvolver uma estratégia de vendas focadas em marketing digita. É neste momento que ferramentas digitais, de relacionamento com o cliente são escolhidas, como webniários ou lançamentos de produtos,  para assim estabelecer um funil de vendas.

3º Conteúdo –  Produza muitos conteúdos, mas muitos mesmo, desde que seja relevante. Um cliente se conquista por conteúdo e não por vendas. Sempre busque orientar, por meio de textos e vídeos  o que está sendo sugerido. De preferência algo que agregue na vida da pessoa e não apenas conteúdo publicitário.

PUBLICIDADE

4º Estrutura Digital – Não basta ter apenas um website. É necessário ter uma estratégia muito bem definida. Imagine como se fosse a sua casa. Portas e janelas devem estar bem posicionadas, pois caso contrário prejudicará a construção inteira.  Na “casa digital” é a mesma ideia, pois as páginas de capturas e conteúdos devem servir como “portas e janelas”, inclusive dizendo quem é que entra no seu site.

5º Tráfego – É parte mais divertida para qualquer empreendedor digital. Quem não gosta de compartilhar coisas boas, principalmente quando são feitas por nós mesmos? Estes conteúdos devem ser utilizados em redes sociais, de forma orgânica ou paga. A versão paga, sempre vai trazer mais resultados, entretanto, o tempo vai se encarregar de mostrar isso para quem aposta em tráfego. Quanto maior o investimento, maior o retorno, claro, com suas devidas estratégias.

6º Análise – Se tudo deu errado ou não saiu conforme esperava,  relaxe , pois existem ferramentas de análises que podem auxiliar em possíveis erros de percurso. Elas medem a taxa de conversão, cliques nos posts, etc. É de uma forma inteligente que o empreendedor digital conseguirá mensurar o desempenho de seu negócio, e não por meio de “achismos”.

Subirei mais vídeos ao longo dos dias, mas caso queira conhecer um pouco sobre outras dicas, acesse o meu Blog

“Nos vemos pelo…..Mundo”

 

Bruno Pinheiro