O que podemos fazer por universitários, jovens carentes e nós mesmos?

Novo Mundo, novos negócios, informações em segundos, oportunidades batendo a porta. Aonde você quer estar? #PRACIMADELES

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre
Estudantes em sala de aula em universidade

Olá Pessoal, tudo bem?

Desde o meu primeiro texto no InfoMoney, semana passada, realizei uma série de palestras e mentorias em ambientes completamente diferentes, mas que tinham algo em comum. Todo lugar que frequentamos pode nos remeter a alguma lembrança, algum sonho ou algum projeto futuro. É preciso estar atento, todo dia, as oportunidades que estão passando a nossa frente. Viajar na imaginação, faz bem ao coração e a alma !

Como cidadão brasileiro, me sinto um privilegiado, por ter tido acesso a estudo decente, nunca ter passado fome, ter trabalhado em empresas promissoras, e ter construído uma carreira sólida. Me provoco o tempo todo a olhar para o próximo, num país que demanda tanto dos seus, mas que dá poucas garantias de sucesso aos mais necessitados. Tenho a imensa noção que não existe o “Salvador da Pátria”. Por isso, provoco todos os leitores desse texto a se olharem no espelho pela manhã, e fazerem a seguinte pergunta: Como eu posso ajudar alguém hoje?

Nenhum de nós, tem condição de só doar, só cuidar do próximo, só se preocupar com os outros. Precisamos nos sustentar, né? Porém, pequenas atitudes e ações podem transformar a vida de pessoas. Um dos meus propósitos é passar um pouco da minha experiência no mercado empreendedor e corporativo, aos jovens universitários, aos jovens carentes, aos empreendedores e a todos aqueles que requisitam alguma informação, que certamente será relevante na vida dos mesmos.

Dito isso, num prazo de cinco dias, tive a enorme oportunidade de estar com os pessoas de todos os tipos, raças e crenças. E o que elas tinham em comum? Todas estavam em busca de conhecimento, experiência, histórias de vida, ídolos inspiradores. Primeiro, na Liga de Mercado Financeiro da Unesp em Araraquara. Depois, no Encontro de Jovens Transformadores na Universidade São Judas. Em seguida, na 2a Conferência do incrível Instituto Ser Mais. E hoje, finalmente, no Acelera Startup, projeto fantástico da FIESP.

Os brasileiros querem andar pra frente. Não podemos esperar o governo nos ajudar. Cada um de nós, tem que assumir a sua parte. Mostrar serviço, obter competências, para realmente trabalharmos a transformação do País. Se você é estudante universitário, aprendiz, empreendedor sonhador, ou empresário ralador, estamos juntos nessa empreitada.

Estude, aprenda, empreenda, compartilhe, ajude. Assuma suas responsabilidades perante a sociedade. Que todos nós tenhamos essas competências em comum. Bom futuro para você !

Um abraço, Giulianno #PraCimaDeles #TamoJunto

Giulianno Perri