TOYOTA, A QUARTA MAIOR MONTADORA DO PAÍS!

Dados de faturamento mostram que a Toyota desbancou a Ford neste ano...

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre

Com o setor automotivo se retraindo quase -9% neste ano, algumas marcas estão na contra mão do mercado: em geral, as asiáticas como Hyundai, Mitsubishi e Toyota.

Vamos abordar o desempenho da Toyota neste ano. Com crescimento nas vendas de 8,1%, a marca ocupa a 7ª posição no ranking de vendas.  Mas, ao considerarmos o volume de veículos faturados pela montadora (em valores monetários) a Toyota desbancou a Ford e tornou-se a quarta maior montadora do país neste ano!

Com vendas de veículos totalizando a casa de R$ 12,095 bilhões, a Toyota registrou crescimento de 11% sobre o mesmo período do ano passado, quando vendeu R$ 10,9 bilhões em carros, um aumento de R$ 1,194 bilhão.

Mesmo ocupando a 7º posição em volume de vendas, o faturamento da marca desbancou as demais – como Renault, Hyundai e Ford – devido à demanda por produtos de alto valor agregado.

A linha Etios, com crescimento de apenas 0,64%, viu a sua participação nas vendas totais da marca decaírem de 36,5% para 34%. Já os demais produtos da Toyota (os de alto valor agregado), seguiram trajetória diferente: A linha Corolla, com crescimento de 14,77%, viu a sua participação subir de 30% para 31,9% neste ano. Mas o destaque mesmo ficou por conta dos “SUV” da marca. A linha RAV4, com aumento nas vendas de 118,9% teve um crescimento que saltou de 2,2% para 4,44%; assim como a linha SW4, com crescimento de 13,45% e participação de 6,86% para 7,20%.

O resultado positivo da marca deu-se por conta do novo Corolla (que foi um sucesso de vendas), assim como uma maior demanda dos seus “SUV”.  Esses produtos tiveram crescimento de 20,4%, contra apenas 0,22% dos demais produtos da marca (aqui – em destaque – estamos falando do feioso Etios). Neste contexto, os “SUV” e o Corolla representam 43,6% das vendas da marca, contra 39,1% do ano passado.

Como já explicamos em posts anteriores, o mercado de veículos de luxo está bombando! Ou seja, não há crise para eles. Tanto é verdade que, o carro médio vendido pela Toyota neste ano, é de R$ 78,066 mil, contra R$ 76,058 mil sobre igual período do ano passado, aumento de 2,64% ou R$ 2 mil mais caro. Ou R$ 29,9 mil mais caro do que o preço médio do mercado.   

Lógico que o resultado da marca é fruto de anos e anos de investimentos em qualidade dos veículos e de processos (o que gerou valorização dos seus produtos e garantem melhor valor residual para os seus clientes). Ou seja, este difícil trabalho gerou um ganho financeiro para a marca na ordem de R$ 1,19 bilhão neste ano, onde “quase todos” estão perdendo dinheiro.  Resumindo, é um resultado excepcional!

A tabela abaixo mostra um pouco mais de quem está ganhando e perdendo neste ano.

Raphael Galante

Raphael Galante é economista, trabalha no setor automotivo há mais de 20 anos e atua como consultor na Oikonomia Consultoria Automotiva.