Como fazer as pessoas desejarem passar mais tempo no seu site

Use estas dicas para ajudar a reter a atenção dos seus visitantes.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Quinze segundos. De acordo com as estatísticas, esse é o tempo que você vai gastar nesta página.

Eu já li essa informação tantas vezes que ela quase me deixa enjoado. Eu sei por fatos que sites bem-sucedidos como o meu vão reter os seus leitores por muito mais tempo. Eu tenho estatísticas para prová-lo.

A regra dos 15 segundos pode ser desencorajadora. Neste artigo, eu darei sete das minhas dicas mais valiosas para reverter essa tendência e transformar o seu site num lugar onde as pessoas amam passar o tempo. 

1. Torne o seu conteúdo inteligente (ou simplesmente engraçado).

A razão pela qual as pessoas ficam mais tempo em alguns sites é porque elas estão interessadas. E como você faz com que elas se interessem?

Para além de títulos que chamam a atenção ou gráficos chocantes, há um raciocínio mais profundo, psicológico. As pessoas querem se sentir inteligentes. Elas adoram ter o ego massageado, não por manipulação psicológica, mas por simples técnicas de comunicação.

Aqui estão algumas:

Utilize uma linguagem simples e clara, mas fale sobre temas profundos. 

Faça referências ao leitor. A palavra você é apropriada para a maioria dos estilos de escrita.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Faça uso do humor.

Se as pessoas se sentirem subestimadas ou desvalorizadas, elas não vão querer se envolver com o seu site ou o seu conteúdo.

2. Faça-o diferente.

Há mais ou menos um bilhão de sites na internet hoje em dia. 

A chance do seu conteúdo ser único é de uma em um bilhão. Não deixe que isso lhe impeça de tentar. Centenas de milhões de sites são puro lixo – cheios de spam, não indexáveis, fechados ou simplesmente terríveis.  

Você pode criar algo que é diferente e superior. Ao invés de reaproveitar conteúdos, ideias, estilos, tópicos e temas de outros lugares, como tantos sites fazem, escreva algo diferente. 

Para poder acompanhar a sua área, você precisa lidar com os tópicos atuais e relevantes. Isso não quer dizer que você deve lidar com esses tópicos da forma como todo mundo faz no seu nicho.

Quando um site é diferente, ele é comentado pelas pessoas. Se você criar o seu site com uma personalidade e um ar diferente, as pessoas vão querer gastar o seu tempo nele.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

3. Faça ele compatível com dispositivos mobile.

O Google anunciou que vai melhorar o ranking de sites compatíveis com aparelhos mobile.  Isso quer dizer, por consequência, que páginas não tão compatíveis com dispositivos mobile receberão um ranking pior.

Em outras palavras, se o seu site não é ajustado para mobile, as pessoas não vão vê-lo nem vão lê-lo. Simples assim.

Quase metade de todos os usuários de internet acessam conteúdo por meio de um dispositivo mobile. Se eles precisarem forçar a vista, rolar a página horizontalmente e verticalmente ou repetidamente precisarem dar zoom, então eles não vão gastar tempo no seu site.

A simples cortesia insiste que o seu site seja adaptado para mobile. Caso contrário, você pode dar tchau para os seus visitantes.

4. Faça-o legível.

Existem muitas técnicas de design que vão encorajar as pessoas a se demorarem mais no seu site. 

Caso você não entende a linguagem que envolve pixels, kerning e as proporções do espaço negativo, permita que eu lhe forneça uma brilhante regra de ouro: torne o seu site legível.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE

Um site não precisa de muita papagaiada, títulos extravagantes, banners gigantes no centro da página ou rolagem em paralaxe. O que um site precisa é de legibilidade: simples, natural, claro, grande e em negrito. 

Por exemplo, o Drudge Report ainda utiliza um design da década de 90, mas acumula mais de um milhão de visitas únicas por dia. Da mesma forma, a CNN faz uso de tipos grandes e uma fonte simples para ajudar os leitores a desfrutar de seu conteúdo.

Legibilidade, não um design capaz de vencer concursos na internet, é o que importa. 

5. Torne-o emocional.

As pessoas amam sentir. Não importa qual sentimento ou o que aciona esse sentimento. É o sentimento que é importante.

Num estudo inovador, pesquisadores da Universidade da Pensilvânia fizeram a pergunta: “O que torna o conteúdo online viral?” Sua resposta: “excitação fisiológica. ” Falando de forma mais clara, “Emoções dão forma à viralidade… conteúdos que evocam emoções de alta excitação positiva (admiração) ou negativa (raiva ou ansiedade) são mais virais. ”

Num relatório sobre conteúdo viral, a revista The New Yorker explicou que “artigos que evocam alguma emoção se dão melhor do que aqueles que não evocam nenhuma. ”

Os experts concordam: “O conteúdo que evoca emoções fortes flutua no topo sem misericórdia”.

6. Torne-o humano.

Eu sinto vergonha quando leio alguns sites B2B. A pura baboseira recheada de jargões é suficiente para fazer um adulto chorar.  Você já leu um site com esse estilo penoso?

Não seja esse site. Ao escrever sobre qualquer tópico, é inevitável que você tenha que usar algum jargão. Meus artigos frequentemente utilizam termos como algoritmo e acrônimos como SEO. Eu não estou tentando parecer inteligente; estou apenas me comunicando.

No entanto, a forma como você usa esses termos e o estilo geral do seu conteúdo tanto pode ser desencorajador como envolvente. 

Você não precisa soar como um artigo científico. A moda dos artigos científicos gerados por computador atingiu novos patamares (ou novos abismos). Você provavelmente não vai conseguir distinguir quais são reais e quais são falsos.

Se o seu tópico é “Contribuições do octeto de cor para a partícula J/psi pela fragmentação no colisor HERA. ” então boa sorte com isso. Mas se, por outro lado, você está lidando com um tema mais popular, utilize estas dicas:

Refira-se aos leitores como “você” e se refira a você mesmo como “eu”.

Se você puder, use uma palavra simples, não uma que seja pouco usual e que não será compreendida pela maioria das pessoas. 

  • Utilize parágrafos curtos.
  • Utilize frases curtas.
  • Utilize figuras.
  • Conte uma história.
  • Utilize um esquema claro.
  • Seja pessoal.

 

7. Conheça os seus leitores.

Esse último conselho é o mais importante.

Conheça os seus leitores. Um conteúdo que faz um grupo de pessoas se envolver não terá o mesmo impacto num grupo diferente de leitores.

Deixe-me usar um exemplo pessoal. Eu não sou uma mãe. Portanto, eu não me sinto particularmente atraídos por blogs de mães, mesmo os mais populares. Mas por que alguns blogs de mãe são tão bem-sucedidos? Porque uma mãe conhece o seu público-alvo. Uma vez que você conhece o seu público, você consegue publicar um conteúdo de cair o queixo. Por quê? Por estes motivos:

  • Você sabe como solucionar os problemas deles.
  • Você sabe como pressionar os botões certos do seu público.
  • Você sabe como polariza-los ao redor de um assunto.
  • Você sabe quais são as maiores alegrias deles.
  • Você sabe quais são seus maiores desafios.
  • Você sabe como criar controvérsia.

 

Pensamentos finais.

Quando eu encontro um site legível e envolvente, eu favorito ele, retorno e gasto algum tempo nele. Seu público fará o mesmo.

Grandes esforços no marketing de conteúdo geram grandes resultados. Siga essas dicas e o seu conteúdo vai receber o reconhecimento que ele merece.

Como você torna o seu site mais atraente?

Neil Patel