AO VIVO Por Dentro dos Resultados: CEO e principais executivos da Unidas detalham os resultados da locadora de carros

Por Dentro dos Resultados: CEO e principais executivos da Unidas detalham os resultados da locadora de carros

PAGAR À VISTA OU PARCELADO???

Se você tem imóvel próprio, mora de aluguel ou é dono de um carro, Todo início de ano, é hora de pagar o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e o Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores Terrestres (IPVA). Afinal, é melhor quitar à vista para aproveitar os descontos ou parcelar sem apertar o bolso?

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre

Dois dos gastos que mais que mais “incomodam” a vida financeira dos brasileiros são o IPVA e o IPTU, mas não precisa ser assim. O erro está na falta de planejamento e não programar seu pagamento com antecedência. Como a maioria das pessoas não traçam um planejamento anual, um calendário para as despesas recorrentes, acabam já no início do ano com dificuldades financeiras, já que no período há também gastos com matrícula e material escolar, entre outros.

Uma dúvida muito comum em relação ao IPTU e ao IPVA é sobre a condição de pagamento: é melhor à vista ou parcelado? Antes de ter essa resposta, é preciso saber em que situação financeira você se encontra: endividado, equilibrado financeiramente ou investidor.

Se for a primeira ou segunda opção, dificilmente conseguirá fazer o pagamento à vista, restando o caminho do parcelamento. Lembrando que se deve evitar ao máximo recorrer a empréstimos, limites do cheque especial ou qualquer outra maneira de crédito do mercado financeiro, pois isso apenas se tornaria uma bola de neve, devido aos juros cobrados.

Agora, caso a situação financeira esteja mais confortável, sendo investidor, recomendo, sem dúvida nenhuma que o pagamento seja feito à vista, já que obterá 3% de desconto no IPVA e 4%, em média, no IPTU. Mas é importante ficar atento aos compromissos futuros; muitas pessoas se deixam levar pelo bom desconto e acabam esquecendo que haverá outras contas a serem pagas naquele mesmo mês ou nos próximos. De que adianta pagar à vista e conseguir desconto em uma despesa e não ter dinheiro suficiente para quitar as outras?

Ter reserva financeira evita problemas como esse e nos deixa mais seguros, em caso de imprevistos. Enfim, com planejamento, é possível terminar e começar o ano com segurança de uma vida financeira saudável e muitas realizações.

 

Como pagar IPVA ?

Neste ano, a Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo não enviou o boleto de cobrança do imposto para a casa dos motoristas. Por isso, é necessário ter em mãos o número do Renavam (Registro Nacional de Veículo Automotor) do automóvel para checar o valor integral e as parcelas do IPVA 2018 em uma agência bancária credenciada ou diretamente no site da Secretaria da Fazenda.

O IPVA pode ser pago em casas lotéricas, terminais de autoatendimento, internet banking, agências bancárias ou via débito agendado. Os donos de veículos com placa final 6 registrados no Estado de São Paulo têm até esta terça-feira (16) para pagar o IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) 2018 com desconto de 3%.

Quem não quiser pagar o valor de uma só vez pode quitar o imposto com um pagamento único sem desconto no mês de fevereiro ou em três prestações, entre os meses de janeiro e março. O calendário para o pagamento do IPVA com desconto segue até o dia 22 deste mês, com um dia específico para cada final de placa (VEJA A TABELA ABAIXO).

  

 

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

André Santos