Previdência Social: a furada

Hoje a Previdência Social e os programas de Medicare e Medicaid representam a maior fonte de gastos do governo federal dos EUA. São mais de 50 milhões de beneficiados pelos programas e, segundo o próprio Tesouro norte-americano, a previdência quebrará em menos de 16 anos. A diferença de um esquema Ponzi para a Previdência é uma só: você pode escolher se participa ou não do esquema Ponzi. A Previdência, por outro lado, é compulsória.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores

Sempre escutei que a família é a base de tudo. A família se ajuda e sempre cuidou das gerações passadas. A intervenção estatal, que prometia dar uma vida melhor aos mais velhos por meio da Previdência Social, chegou para resolver um problema que não havia.

Em 1935, foi criada a previdência social nos EUA pelo então presidente Franklin Delano Roosevelt, segundo a qual os trabalhadores na ativa pagariam pelos aposentados. Ela foi a primeira e prometia garantir uma velhice confortável àqueles que serviram o país durante sua vida útil.

Quando foi concebido, havia mais pessoas contribuindo do que recebendo aposentadoria. Como o ser humano tem a tendência de projetar para o futuro o passado recente, nunca passou pela cabeça dessas pessoas que, em algum ponto na história, essa conta se inverteria, ou seja, haveria uma proporção maior de pessoas usufruindo do sistema do que contribuindo para ele.

PUBLICIDADE

As primeiras pessoas que usufruíram do sistema acharam-no muito especial. Afinal contribuíram muito pouco (começaram mais tarde) e gozavam dos benefícios por muitos anos, já que aposentaram cedo e viveram muitos anos.

Hoje a Previdência Social e os programas de Medicare e Medicaid representam a maior fonte de gastos do governo federal dos EUA. São mais de 50 milhões de beneficiados pelos programas e, segundo o próprio Tesouro norte-americano, a previdência quebrará em menos de 16 anos.

Os dados estão todos aí, só não vê quem não quer: muitas pessoas entrando e pagando para poucas, no topo da pirâmide, que se beneficiam por ter sido as primeiras. Certamente não haverá prêmio para os que chegarem mais tarde.

Isso me lembra do modus operandi de várias empresas de marketing multinível. Aliás, a diferença de um esquema Ponzi para a Previdência é uma só: você pode escolher se participa ou não do esquema Ponzi. A Previdência, por outro lado, é compulsória.

Já sabemos que não haverá um pote de ouro no final desse arco-íris. Assim, é importante não contar com a aposentadoria recebida do governo, seja aqui, seja nos EUA, seja em qualquer parte do mundo.

Muitas pessoas acham que a aposentadoria está garantida porque contribuem de alguma forma com os programas de governo, mas é essencial começar uma poupança e fazer os investimentos por conta própria o mais cedo possível. Além de não ser tão difícil, vai nos poupar de vários dessabores à frente.

Marcelo López

Marcelo López tem certificação CFA, é gestor de recursos na L2 Capital Partners, com MBA pelo Instituto de Empresa (Madrid, Espanha) e especialização em finanças pela principal escola de negócios da Finlândia (Helsinki School of Economics and Business Administration). Atuou como Gestor de Carteiras e de Fundos em grandes gestoras internacionais, tais como London & Capital e Gartmore Investment Management.

Leia também