O que significa para o ouro a compra de ações de uma mineradora do metal pelo maior investidor do mundo?

Particularmente, acredito que Buffett entenda a importância do ouro melhor do que muitos de nós

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
(Getty Images)

Semana passada escrevi sobre o relatório trimestral da Berkshire Hathaway, empresa do bilionário e lendário investidor Warren Buffett. No artigo, mencionei que saberíamos em detalhes quais ações Buffett estava vendendo ou comprando no final da semana. E que notícia tivemos! A companhia reduziu a sua posição em várias empresas, bancos e aéreas, em sua maioria, e fez uma compra em especial: Barrick Gold, uma das maiores mineradoras de ouro do mundo.

Ainda não sabemos se foi Buffett, Todd ou Ted quem tomou a decisão de compra, mas é claro que fico feliz em ver que, pela segunda vez, o sábio de Omaha escolheu o mesmo investimento que eu (a primeira foi a Phillips 66, há alguns anos). Independente de quem foi a decisão, Warren sabia dela antes e a aprovou – e isso é bastante bullish para o metal e para a empresa. O simbolismo por trás disso é enorme.

Buffett é famoso por criticar o metal amarelo sempre que há uma oportunidade e,por isso mesmo, a mudança é importante. Particularmente, acredito que Buffett entenda a importância do ouro melhor do que muitos de nós e comprou somente agora, porque somente agora fez sentido para ele.

PUBLICIDADE

Ele está vendo o “writingonthewall”, mas certamente dará um spin diferente na história, alegando estar comprando uma empresa que paga dividendos, o que estaria em linha com sua filosofia de investimentos.

Nesse contexto, sabendo que o horizonte de investimento da Berkshire é extremamente longo, ou como gostam de afirmar “our favorite holding period is forever”, para adicionar uma posição numa mineradora de ouro, é seguro supor que eles devem estar enxergando um cenário benigno para o metal e desejam tirar proveito da alavancagem operacional de quem o produz.

Buffett se beneficiou enormemente das políticas absurdas do Fed nas últimas décadas, e é inteligente o bastante para saber quando há perigo à vista.

E um perigo grande: a impressão de dinheiro que ocorreu nos últimos meses foi de uma magnitude nunca antes vista na humanidade. Volumes muito menores de expansionismo monetário na história causaram fortes desvalorizações de moedas frente ao ativo real que não perde valor com o tempo, e Buffett sabe muito bem disso.

Lembrando que o relatório mostra a quantidade detida pela Berkshire no final de junho, ou seja, ela ainda pode estar no mercado comprando mais, mas só saberemos no próximo trimestre. Como já mencionei várias vezes, acho importante que todos tenham uma pequena parcela do seu patrimônio em ouro físico.

Marcelo López

Marcelo López tem certificação CFA, é gestor de recursos na L2 Capital Partners, com MBA pelo Instituto de Empresa (Madrid, Espanha) e especialização em finanças pela principal escola de negócios da Finlândia (Helsinki School of Economics and Business Administration). Atuou como Gestor de Carteiras e de Fundos em grandes gestoras internacionais, tais como London & Capital e Gartmore Investment Management.

Leia também