Datafolha confirma: o Brasil se cansou do PT

A realidade dos fatos, marcada por inflação elevada, desemprego em alta, decréscimo da renda e escândalos de corrupção, resulta num baixíssimo nível de popularidade da presidente Dilma e derrota de Lula em 2018, de acordo com pesquisa Datafolha.

Importante: os comentários e opiniões contidos neste texto são responsabilidade do autor e não necessariamente refletem a opinião do InfoMoney ou de seus controladores
arrow_forwardMais sobre

 

Chegou a hora que todo petista temia: a realidade dos fatos. Segundo pesquisa Datafolha, sessenta e cinco por cento (65%) dos brasileiros acham o governo Dilma ruim e péssimo e 24%, regular. O nível de desaprovação chega a 89%. Lula perderia para Aécio Neves em 2018 no 1º turno por 35% a 25% dos votos. Esses números confirmam que a revolta não é apenas contra Dilma, mas contra Lula e o PT (já tratei do assunto aqui). Não é para menos, inflação elevada, desemprego em alta, decréscimo da renda e escândalos de corrupção são os principais fatores para o feito. 

Para o brasileiro, a crise econômica atual e o Petrolão têm um principal dono: 16 anos de governo petista. A estratégia petista em culpar a crise internacional não cola mais dado que os EUA crescem a taxa de 3,0%, zona do Euro, 1,0%; emergentes, 4,3% e economias avanças, 2,4%. Já a estratégia em dizer que a elevação da corrupção é fruto da maior investigação promovida pelos governos do PT também não deu muito certo. Primeiro, porque os nomes de Dilma e Lula aparecem nos depoimentos da Lava Jato, com possibilidade real do ex-presidente ir para cadeia. Segundo, porque a Polícia Federal e o juiz Sérgio Moro pertencem ao Estado e não ao PT. 

A revolta do brasileiro não é motivada apenas pela deterioração da sua situação econômica, é mais do que isso: é uma indignação moral. De um tempo para cá, o brasileiro começou a entender que o tal dinheiro público é na verdade o SEU DINHEIRO. O brasileiro percebeu que o SEU DINHEIRO é utilizado para favorecer empreiteiros corruptos, financiar investimentos nas ditaduras cubanas e venezuelanas com empréstimos subsidiados do BNDES e sustentar 39 ministérios e sindicalistas pelegos que produzem quase nada para a sociedade brasileira. Compreendeu ainda que o SEU DINHEIRO é utilizado para sustentar o MST – que aterroriza o agronegócio, o qual corresponde por 25% do PIB – e pagar militantes virtuais, blogueiros e jornalistas chapa branca para difamarem qualquer político ou formador de opinião que seja contra o PT. 

O brasileiro não só entendeu, mas cansou de deixar 40% de sua renda nas mãos do governo para sustentar todos os companheiros citados acima. O brasileiro entendeu que suas riquezas são saqueadas justamente por aqueles que não as produzem; pelo contrário, as saqueiam em nome da tal “justiça social”. O brasileiro se cansou da vitimização e da fuga de responsabilidades em não assumir que a crise atual foi gerada pelo próprio excesso de gastos do governo Lula/Dilma em nome do populismo eleitoral imediato. Em suma, o brasileiro se cansou do cinismo, da falta de ética e da incompetência. O brasileiro se cansou do PT. 

Alan Ghani

É economista, mestre e doutor em Finanças pela FEA-USP, com especialização na UTSA (University of Texas at San Antonio). Trabalhou como economista na MCM Consultores e hoje atua como consultor em finanças e economia e também como professor de pós-graduação, MBAs e treinamentos in company.

Leia também