Você sabe como montar seu plano de carreira?

Caso resposta seja não, é melhor começar a se preocupar com isso, pois planejamento deve começar o mais rápido possível; não se esqueça de definir objetivos

SÃO PAULO – Depois de entrar na faculdade, os universitários têm um grande desafio pela frente: montar um plano de carreira. Isso significa que eles não devem se acomodar e esperar que a universidade faça tudo por ele, afinal, é preciso correr atrás do diferencial e de oportunidades.

Este plano deve começar a ser elaborado quando o profissional ainda está em formação. No entanto, você sabe de onde partir e como montá-lo?

Primeiro passo

Muitas universidades contam com disciplinas que imitam o mercado de trabalho. São oficinas e aulas que mostram como é a realidade fora dos muros da faculdade. Com isso, os profissionais já sabem o que encontrarão e quais áreas os agrada mais.

PUBLICIDADE

A partir disso, defina o que quer para sua vida profissional: pretende lecionar? Entrar no mercado de trabalho? Em qual área? É neste momento que você deve definir seus objetivos e, quanto mais cedo fizer isso, melhor.

Para quem já saiu da universidade, ainda há tempo. Isso porque especialistas recomendam o prazo de três a quatro anos para começar uma especialização, para que você tenha certeza de que esta é a área em que quer atuar.

Condição financeira

Depois de definidos seus objetivos, é hora de ver qual a viabilidade de atingi-los. Para quem tem suporte financeiro, tanto dos pais quanto do marido ou filhos, fica mais fácil, já que não precisará se preocupar com o orçamento. Mas para quem não o tem, é melhor definir seus objetivos de acordo com o salário a receber.

Neste momento, é bastante importante relevar sua vida pessoal. Se namora e pretende casar cedo, é melhor correr atrás de um emprego que ganhe mais, para que consiga arcar com as despesas da vida a dois. O mesmo acontece numa gravidez inesperada.

Atualização

Depois de definido o emprego que irá ocupar, de acordo com os objetivos a serem atingidos, é chegado o momento de pensar na atualização. Fará pós-graduação? Mestrado? Pretende viajar para o exterior?

E em que momento de sua vida vai parar para realizar tudo isso? Os objetivos devem ser traçados, no entanto, eles podem ser mudados no meio do caminho. Mesmo assim. Leve sempre em consideração que a atualização é importante e que um profissional acomodado não sobrevive no mercado de trabalho.