MERCADOS AO VIVO Ação da Track & Field (TFCO4) estreia na B3 com leve alta

Ação da Track & Field (TFCO4) estreia na B3 com leve alta

Você acaba de ganhar mais um chefe; como agir nesta situação?

Antes de ver a novidade como algo ruim, identifique em que esta mudança na hierarquia lhe afetará diretamente

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Dependendo do porte da empresa onde você trabalha, lidar com a hierarquia não é uma tarefa fácil: são profissionais de perfis diferentes, além da política interna e procedimentos que devem ser respeitados.

Tudo isso pode parecer mais complicado, quando o funcionário é surpreendido pela entrada de um novo chefe. O que fazer nestes casos?

Identifique rapidamente as posições

Supondo-se que isso acontecesse com você: para se sair bem nesta situação, é importante conhecer bem a empresa, bem como sua estrutura hierárquica. Desta forma, você consegue identificar com maior facilidade o papel a ser desempenhado pelo novo membro.

Aprenda a investir na bolsa

É fundamental em seu trabalho que você compreenda quando deverá se reportar a ele. Para ficar mais claro: dentro da hierarquia, ele está acima ou abaixo do seu chefe atual? Este dado é muito importante, pois pode significar uma mudança brusca dentro das relações patrão-empregado em seu trabalho.

Veja o lado positivo

Torna-se mais simples compreender e se adaptar às mudanças, quando você as encara de uma maneira menos pessimista. Caso já pense, antes mesmo de ser informado melhor da situação, que alguém veio para retirar sua chance de crescimento, competir com você ou prejudicar seu bom relacionamento com seu supervisor, cuidado!

Nem sempre as empresas possuem um canal de comunicação eficiente, o que deixaria você e sua equipe sem muitas respostas. Por conta disso, capriche em sua percepção, observando tudo ao seu redor pacientemente. No momento oportuno, quando tiver a certeza de que muitas dúvidas deixaram de ser esclarecidas, procure conversar com seu antigo chefe.

Informação: fundamental para lhe dar segurança

Exponha, de forma clara e direta (porém, claro, lembrando que se trata do seu chefe!), as suas dúvidas. Mostre-se interessado em participar desta mudança, contribuindo no que for necessário.

Por mais difícil que o momento possa ser, já que cada um sabe melhor do que ninguém a situação que vivencia em seu emprego, encare a novidade como um desafio. Afinal, adaptar-se a mudanças
exige sempre muito equilíbrio, profissionalismo e autocrítica.

Outro lado da mudança

Já se o novo contratado vier para coordenar os serviços do seu chefe, posicionando-se, portanto, acima dele na hierarquia da empresa, a conversa franca também é recomendada, caso o canal de comunicação “falhe”.

PUBLICIDADE

Mostre-se interessado em compreender em que pode ser útil, e disposto a colaborar. Mas, atenção: não se trata de fazer “conchavos”, apenas apoiar seu chefe em um momento desafiador.