Veja dez dicas para administrar melhor vida pessoal e profissional

É preciso saber transformar quantidade em qualidade de tempo e pedir ajuda; além disso, respeite seu ritmo

SÃO PAULO – A mulher é essencial para a educação dos filhos e referência em suas vidas e, por isso, não pode se ausentar de sua educação, mesmo sendo peça essencial na empresa em que trabalha e ocupando cargos importantes.

Diante deste dilema, a mulher deve ser criativa para saber transformar seu precioso tempo em algo flexível, que possa render tanto no trabalho, depois de uma noite sem dormir com o filho doente, quanto em casa, após ter levado uma bronca do chefe.

Como fazer isso?

De acordo com a diretora da SEC Talentos, Vivian Maerker Farias, as mulheres conseguem o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional quando substituem o conceito de “quantidade de tempo” por “qualidade de tempo”.

PUBLICIDADE

“A sabedoria da vida não está em ter um em detrimento do outro (trabalho, família e lazer), mas em saber administrar os três, sem precisar abrir mão de nada. A tendência é de que as mães e esposas deverão passar menos tempo com suas famílias, mas a qualidade desse tempo deverá ser melhor, mais focada e direcionada”, disse Vivian.

As dez dicas preciosas

Segundo Vivian, existem dez dicas que podem fazer com que a mulher melhore suas relações em casa e no trabalho e que possam administrar melhor suas atividades. Veja-as abaixo:

  • em primeiro lugar, a mulher deve se preparar para cada fase de sua vida e de seu dia, para que possa se programar;
  • cada mulher tem um ritmo e isso deve ser respeitado;
  • elimine todo o tipo de estresse desnecessário com controle de seu temperamento;
  • curta melhor cada momento em casa, desperdiçando-o não somente em frente à TV, mas com filhos e marido;
  • peça ajuda quando precisar para que não se sinta sobrecarregada;
  • não sofra antecipadamente, pois é preciso lidar com uma questão de cada vez para que todas sejam bem feitas;
  • aprenda a administrar seus sentimentos, por mais que seja difícil diante das mudanças hormonais;
  • concentre-se no que está fazendo;
  • não se cobre tanto, o que pode gerar ansiedade e frustração;
  • por fim, converse bastante com sua família, peça colaboração e divida seus sonhos, o que fará com que as pessoas tenham prazer em participar de suas realizações.