universidades

Veja 4 erros comuns cometidos por calouros e como evitá-los

Um dos problemas mais comuns para os calouros é encontrar a fórmula certa para balancear todas as novas relações de sua vida

arrow_forwardMais sobre
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Embora o período na universidade seja o momento de adquirir novas experiências, sendo calouro você corre o risco de cometer alguns erros antes de encontrar uma fórmula que funcione. Não existe nada de mal em cometer algumas falhas, você pode até mesmo aprender com elas, mas isso não significa que você não possa se beneficiar da experiência de quem já passou por isso.

Se você está prestes a entrar na universidade e quer facilitar sua vida durante o ano de adaptação, confira uma lista com 4 erros comuns aos calouros e como você pode evitá-los:

1. Encontrar lugar para todos os relacionamentos

Aprenda a investir na bolsa

Um dos problemas mais comuns para os calouros é encontrar a fórmula certa para balancear todas as novas relações de sua vida. Com novos amigos da universidade, amigos antigos do ensino médio e todos os familiares, pode ser difícil dividir as atenções. Por isso, é essencial encontrar a medida certa para manter contato com todos sem se descuidar o principal: seus estudos. Para evitar esse problema, lembre-se de que por mais divertidos que seus novos amigos pareçam, sua família e antigos amigos precisam da sua atenção também. Tente fazer uma programação para que cada fim de semana seja dedicado a um grupo.

2. Priorizar a vida social

Quando se está na universidade, a pressão para ser bem-sucedido é muito grande, de modo que não há mal nenhum em sair uma noite ou outra para se divertir com os seus colegas. Porém, esse novo mundo de liberdade e diversão pode acabar assumindo um lugar mais importante que seus estudos. Não deixe que isso aconteça. Por mais difícil que pareça, procure manter a disciplina e deixar apenas os fins de semana para a diversão. Se você sente que precisa de um intervalo durante a semana de estudos, procure fazer programas mais leves, que não vão cansá-lo excessivamente para a aula do dia seguinte.

3. Estudar como no ensino médio

Durante o ensino médio as coisas eram mais simples: você podia dedicar todo seu tempo livre aos estudos e garantir uma boa nota. Porém, a universidade exige mais de você. Uma vez que todos os seus estudos serão voltados para um tema específico, é essencial que você desenvolva a capacidade de estudar de maneira mais crítica, analítica e aprofundada. Esse não é mais o momento de fazer pesquisas apenas com a ajuda do Google. Lembre-se de que a preparação para o mercado já começou e você precisa garantir que vai se destacar. Além disso, mantenha em mente que em algum momento você vai conseguir um estágio e, em consequência, será obrigado a reorganizar sua rotina de estudos.

4. Tentar fazer tudo de uma só vez

PUBLICIDADE

Você quer se sair bem com os seus estudos, passar os fins de semana com seus pais, sair com seus amigos todos os sábados, frequentar a academia, encontrar um emprego, manter as séries em dia e ainda reservar um tempo para um grupo de estudos. Isso será impossível. Ao entrar na universidade, você precisa aprender a priorizar. Pelo menos até encontrar um ritmo que funcione para você, desista de fazer tudo ao mesmo tempo. Escolha as atividades mais importantes para você e aos poucos vá tentando encaixar outros compromissos na sua rotina. Tentar realizar mais tarefas do que você é capaz só vai deixá-lo frustrado quando você não conseguir ser excelente em todas elas.

Veja mais matérias de Carreira no Universia.