Trabalhadores do setor de serviços receberão o maior abono de Natal em 2010

Média destinada a esses profissionais equivale a R$ 1.888, enquanto a nacional entre os assalariados é de R$ 1.609,12

SÃO PAULO – Os trabalhadores do setor de serviços, inseridos no mercado de trabalho formal no Brasil, receberão a maior média de décimo terceiro salário paga este ano em comparação com aqueles atuantes nos principais setores da atividade econômica do País.

A média destinada a esses profissionais é de R$ 1.887,97, enquanto a nacional entre os assalariados é de R$ 1.609,12. Eles correspondem a 62% da fatia que receberá o montante total de cerca de R$ 69,5 bilhões pagos este ano.

Os trabalhadores do setor de serviços representam 52,6% dos 43,2 milhões de trabalhadores formais beneficiados pelo pagamento do décimo terceiro salário, de acordo com estimativas divulgadas nesta quinta-feira (21) pelo Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

PUBLICIDADE

Pagamentos
Os trabalhadores dos setores industriais receberão o segundo maior valor, correspondente a R$ 1.803. Os funcionários deste setor devem ficar com 22% da quantia total e representam 19,7% dos que tem direito ao benefício.

Os funcionários atuantes na construção civil receberão, em média, R$ 1.312,73 de benefício. Esses profissionais correspondem a 5,7% dos beneficiários, além de deterem 4,6% do montante total.

A média dos comerciários será de R$ 1.098,53. Para este grupo serão direcionados 18,4% da parcela de pagamento total. Seus beneficiários são representados por 12,5% dos profissionais.

Menor
O menor 13º salário, por sua vez, ficará com os profissionais do setor primário da economia – agropecuária, caça e pesca, extrativismo vegetal -, cujo valor médio verificado é de R$ 899,92.

A representação deste segmento no bolo total do 13º salário é de apenas 2,1%. Do total de trabalhadores, 3,7% se enquadram como beneficiários deste grupo.