Show de bola

Site americano lista as 10 melhores carreiras no segmento esportivo no país

Um fisioterapeuta pode ganhar até US$ 76 mil por ano (ou R$ 152 mil)

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – Quando o assunto é carreira no segmento esportivo, muitos se atentam aos famosos jogadores de futebol. Mas, segundo um levantamento do site CareerCast, tais profissionais estão longe de serem listados entre os melhores empregos no segmento para 2013 – ao menos nos Estados Unidos, onde o estudo foi realizado.

A lista, feita com base no mercado de trabalho dos Estados Unidos, cita profissões não tão glamorosas no mercado, mas que ganham muito. Um fisioterapeuta, por exemplo, pode ganhar até US$ 76 mil por ano (ou R$ 152 mil).

Outra profissão bem remunerada é a de gerente de relações públicas. Um profissional da área ganha, em média, US$ 57,5 mil por ano. Isso porque a publicidade tem sido uma área promissora no segmento esportivo, arrecadando bilhões de dólares através de grandes eventos esportivos. “O profissional é muito requisitado para a produção de megaeventos, como Super Bowl, World Series, Final Four, entre outros”.

Aprenda a investir na bolsa

Um treinador também pode ganhar muito bem, com salários em torno de US$ 29 mil por ano. Veja abaixo as dez profissões mais bem pagas do esporte nos Estados Unidos:

ProfissõesSalário médio anual
*CareerCast
Técnico/TreinadoUS$ 28.340
Coordenador de eventosUS$ 45.260
FisioterapeutaUS$ 76.310
Gerente de relações públicasUS$ 57.550
FotojornalistaUS$ 29.130
EstatísticoUS$ 72.830
Locutor/comentarista de rádio ou TVUS$ 36.000
Executivo de conta em publicidadeUS$ 45.350
Psicólogo esportivoUS$ 68.640
AgenteUS$ 64.790