Dicas para reformular

Seu currículo pode não estar tão atrativo quanto você pensa; saiba o que fazer

Mesmo com experiência, pode ser que seu currículo esteja tirando sua chance de impressionar pessoalmente o empregador em uma entrevista

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – O currículo é seu cartão de visita para conquistar os recrutadores e conseguir o emprego dos sonhos. Para aqueles profissionais que estão buscando se recolocar no mercado de trabalho a maior dificuldade pode estar em atualizar ou montar o currículo.

Mesmo com experiência, pode ser que seu currículo esteja tirando sua chance de impressionar pessoalmente o empregador em uma entrevista. Assim, alguns pequenos detalhes podem fazer a diferença. A maioria dos erros de currículos podem ser facilmente evitados, segundo a gerente de relacionamento da Produtive, Melina Graf.

Pensando nisso, a especialista analisou alguns erros que você pode evitar a fim de tornar seu currículo mais atrativo aos olhos dos recrutadores novamente. “Atualize o documento com tranquilidade e sem pressa, usando frases curtas e não utilize a primeira pessoa. É importante que o currículo contenha apenas informações positivas e que os aspectos marcantes apareçam no início e os menos relevantes, no fim”, explica Graf.

PUBLICIDADE

Além disso, ela sugere que o currículo tenha no máximo duas páginas “caso você tenha muita experiência em seu segmento”, se não uma página bem organizada é o suficiente.

Claro que além do básico como o português correto e uma caligrafia legível e de tamanho padrão 12, é imprescindível você fazer uma avaliação do seu currículo para cada vaga que está concorrendo, alerta Graf. “Analise quais das suas habilidades podem ser mais úteis para o cargo em questão e coloque-as em destaque”, orienta.

Outro ponto é que seu currículo, embora sucinto deve conter conteúdo significativo. Além de mostrar os locais em que trabalhou e suas responsabilidades, coloque os resultados que obteve de forma objetiva. “Mostre o que você fez, para chamar atenção e depois na entrevista desenvolva mais”, sugere a especialista.

Os empregadores buscam resultados para suas empresas e precisam de pessoas capazes de fazer isso acontecer. Outro ponto abordado pela especialista, é a formatação do currículo. “Escolha cores neutras e básicas e organize de forma clara, dividindo em etapas profissionais”, explica Graf. A intenção é facilitar o máximo possível para o recrutador.