Aviação

Setor de manutenção da TAM cruza os braços por salário maior

Os trabalhadores cercaram o portão durante quatro horas, mas a manifestação foi pacífica, não havendo também intervenção da Polícia Militar

arrow_forwardMais sobre

Uma greve atinge o setor de manutenção da TAM de São Carlos, no interior paulista, nesta sexta-feira, 12. De acordo com o Sindicato dos Aeroviários do Estado de São Paulo (Saesp), 600 trabalhadores cruzaram os braços e fecharam a entrada da empresa na manhã de hoje. Eles reivindicam reajuste salarial de 9%, além de outros benefícios.

 

Os trabalhadores cercaram o portão durante quatro horas, mas a manifestação foi pacífica, não havendo também intervenção da Polícia Militar. A empresa informou que a unidade, na Rodovia SP-318, é de manutenção programada e que a paralisação não afeta as operações de voo. Alega ainda manter negociações com o sindicato da categoria.

PUBLICIDADE