diz datafolha

Salários da Grande São Paulo subiram 7,71% em 2013

Os maiores aumentos médios salariais, registrados durante o ano de 2013, ocorreram nos meses de maio (1,51%), janeiro (1,27%) e outubro (0,67%)

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Os salários da Grande São Paulo subiram, em média, 7,7% entre janeiro e dezembro de 2013, informou a pesquisa Bolsa de Salários elaborada pelo Datafolha.

Entre os setores, o que registrou a maior variação média acumulada dos salários durante o ano foi o da Construção Civil, com alta de 9,65%. Em seguida aparece Serviços, com variação de 7,84%, Indústria, 7,72%, e o do Comércio, com 5,6%.

No mesmo período analisado, o IPC-Fipe (Índice de Preços ao Consumidor da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) registrou inflação acumulada de 3,88%. Sendo assim, o aumento médio dos salários ficou 3,83 pontos percentuais acima do índice de comparação.

PUBLICIDADE

Os maiores aumentos médios salariais, registrados durante o ano de 2013, ocorreram nos meses de maio (1,51%), janeiro (1,27%) e outubro (0,67%).

Maiores reajustes médios
Entre os dez grupos de ocupações que compõem a pesquisa, o de Outros Serviços, com 8,27%, registrou o maior reajuste médio. A função de Tapeceiro teve o maior aumento médio acumulado, de 9,87%.

Em seguida, com reajuste médio de 8,21%, aparece o grupo de Ocupações de Nível Médio, liderado pela função de Editor de Texto, Imagem, TV e Vídeo, com média acumulada de 12,4% (para 6 horas de trabalho por dia).

O grupo Ocupações da Produção aparece com o terceiro maior nível de reajuste (8,18%), com destaque para função de Bombeiro, que teve índice médio acumulado de 9,93%.

Já entre os menores reajustes, o grupo de Diretores e Gerentes, com reajuste de 6,83%, aparece entre os menores reajustes médios, com destaque negativo para a função de Gerente de Loja (índice médio acumulado de 3,98% ao longo de 2013). Em seguida vêm os grupos Administração, Vendas e Finanças, com reajuste de 7,12% e Ocupações de Nível Superior, com reajuste médio de 7,26%.