MTE

Salário médio de admissão em setembro foi de R$ 1.100

Os trabalhadores com ensino superior receberam ao serem contratados, em média, R$ 2.654,05

arrow_forwardMais sobre
Money from Brazil – New currency design
Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – O salário médio de admissão no Brasil registrou alta de 2,2% em setembro, na comparação com o mesmo período do ano passado. Com isso, o salário médio passou de R$ 1.076,55 para R$ 1.100,22.

Por grau de formação, os dados indicam que os trabalhadores com ensino Superior receberam ao serem contratados, em média, R$ 2.654,05, enquanto aqueles com ensino superior incompleto receberam, em média, R$ 1.269,10. No caso dos trabalhadores com fundamental Completo, o salário médio R$ 975,82.

Os salários mais altos foram pagos aos profissionais do Rio de Janeiro (R$ 1.253,99), São Paulo (R$ 1.248,45) e Distrito Federal (R$ 1.148,93.). Em contrapartida, os estados que pagaram os menores valores foram Piauí (R$ 844,74), Paraíba (R$ 849,45) e Rio Grande do Norte (R$ 863,68).

Aprenda a investir na bolsa

Sobre os dados, o Ministério do Trabalho e Emprego afirmou que embora persista diferenças significativas entre os salário de admissão entre as unidades federativas houve uma redução nos últimos anos. “ Em 2011, o percentual de diferença era da ordem de 53,24% em 2011, reduziu-se para 48,98% em 2012 e atingiu 48,45% em 2013.”

Gênero
Na análise por gênero, o aumento real do salário médio de admissão obtido pelos homens foi de 2,46%, frente ao aumento de 1,94% para as mulheres, chegando a R$ 1.161,75 e R$ 996,97, respectivamente.