Reprovado no processo seletivo? Marque presença com carta de agradecimento

Faça a sua parte: ficará muito difícil, para os selecionadores, guardar uma lembrança marcante de cada candidato

Aprenda a investir na bolsa

SÃO PAULO – A disputa por uma vaga de emprego é algo desgastante, principalmente quando o candidato perde a vaga nas etapas finais do processo de seleção. Depois de conhecer pessoas, passar por várias entrevistas e procurar conhecer mais da empresa que pode ser seu futuro emprego, ser informado de que não ficou com a vaga não é fácil.

Justamente por isso, equilíbrio é fundamental, mesmo na hora em que recebe o “não”, resposta que você jamais queria ouvir. Embora seja mais fácil na teoria do que na prática, não veja o fato como mais uma porta que se fechou: fortaleça sua imagem e marque presença. Para isso, que tal uma carta de agradecimento?

De olho na estratégia

Pense um pouco: quantas pessoas estiveram neste processo seletivo com você? Por isso, ficará muito difícil para os selecionadores, mesmo com toda a organização possível, guardar uma lembrança marcante de cada candidato.

Aprenda a investir na bolsa

É nesta hora que entra a sua estratégia: uma carta de agradecimento educada, objetiva e bem elaborada marca território. Além disso, mostra seu real interesse pelo emprego e consideração pelos que o entrevistaram. Portanto, invista nesta idéia!

Caso se sinta derrotado demais para se convencer de que este é o caminho, considere: você não tem nada a perder. E outra: você passou por quase todas as etapas do processo. Numa próxima oportunidade, não ficará mais fácil para a empresa lembrar de um candidato muito bom, ao invés de iniciar toda a seleção novamente?

Cuidados especiais

Lembre-se que a idéia é deixar uma boa impressão. Portanto…capriche! Assuma para esta tarefa a mesma importância de elaborar um bom currículo ou carta de apresentação.

Capriche no texto, sem detalhar muito. Clareza e objetividade fazem a diferença nesta hora. Destaque suas qualidades e seu interesse em integrar o quadro de funcionários desta empresa. Mostre, em poucas palavras, que se aprofundou sobre os serviços prestados e o mercado em que atua.

Envie esta carta para todos os que o entrevistaram, tendo cuidado, porém, para não padronizar a mensagem a ponto de cometer gafes terríveis, como errar o nome do destinatário. A orientação vale principalmente no caso do e-mail, que facilita demais o trabalho, mas que precisa ser utilizado com muita cautela. Boa sorte!