Qual a melhor forma de integrar o novo funcionário recém-contratado?

A empresa precisa que o novo contratado se ajuste rapidamente às suas tarefas; neste caso, como líder deve prepará-lo?

arrow_forwardMais sobre

SÃO PAULO – Quando um novo funcionário é contratado, é bastante comum, e até mesmo esperado, que receba rápido treinamento do líder sobre sua rotina de trabalho. Tal fato deve ser encarado como necessidade, já que a contratação implica em certos custos. Porém, é suficiente?

A vez do cliente

Em razão da necessidade de certa urgência de retorno, muitos líderes acabam se esquecendo de um ponto muito importante neste treinamento: a apresentação da filosofia da empresa e de quem são os seus clientes.

A abordagem de tais informações é fundamental para que este novo funcionário entenda e aceite melhor a rotina que lhe será imposta, alem de facilitar a compreensão de todo o processo corporativo.

PUBLICIDADE

Apresentar a este novo contratado um breve perfil dos clientes faz com que perceba para quem ele trabalha realmente, o que lhe proporciona maior segurança e interesse no desempenho de suas tarefas. Tal necessidade é abordada com freqüência por especialistas em administração, e vem sendo adotada há certo tempo por grandes empresas. Neste caso, porque não implantá-la em sua equipe?

Apoio à criatividade

Proporcionar maiores elementos de integração a este funcionário tem como objetivo trazê-lo para o processo criativo, que é muito facilitado quando se adquire um bom conhecimento da empresa na qual trabalha, bem como dos clientes que, de certa forma, garantem seu emprego.

Em equipes menores, as vantagens poderão ser sentidas muito mais cedo. Diante de um quadro reduzido de funcionários, é importante que todos trabalhem com o mesmo objetivo e tenham acesso a conceitos que promovam capacitação para participar do processo criativo. Experimente dar os primeiros passos o quanto antes e colha os frutos.