Profissional: webpalestras são a nova aposta para treinamento nas empresas

A vantagem deste recurso? É possível interagir via internet com o palestrante, sem precisar se locomover

Aprenda a investir na bolsa

SÃO P AULO – A empresa em que você trabalha resolveu inovar e disponibilizou aos funcionários uma palestra on-line. Apreensivo, já começa a questionar como funcionará o programa. É bastante simples: num determinado horário, você acessa a internet e o palestrante transmite as informações.

A vantagem de usar este recurso? De acordo com a diretora da empresa especializada em eventos e educação corporativos Patriani, Silvia Patriani, as webpalestras possibilitam a integração do público com o palestrante. Simultaneamente ao evento, os expectadores podem enviar perguntas e sugestões ligadas ao assunto, para serem debatidas durante a apresentação.

“Nos eventos presenciais, é grande o número de pessoas que voltam para a casa com muitas dúvidas sobre seus negócios, pois os palestrantes não conseguem atender a todos individualmente” afirma Silvia. Além de responder às perguntas, é possível participar de enquetes.

Aprenda a investir na bolsa

“O grande diferencial das webpalestras é a possibilidade de interatividade que a internet oferece. Os participantes enviam suas perguntas e têm suas dúvidas esclarecidas ao vivo. Por isso, o especialista responde às questões de todos, atuando como um consultor pessoal”, destaca.

O ensino a distância

De acordo com o AbraEAD (Anuário Brasileiro Estatístico de Educação Aberta a Distância), as empresas brasileiras devem investir 56% a mais neste ano com treinamento a distância, na comparação com o ano passado. Espera-se que o ensino nesta modalidade cresça 40% até 2010.

A webpalestra impulsiona esta categoria de ensino, já que se torna uma ferramenta eficiente quando o palestrante não pode comparecer ao local do evento ou quando o participante está em uma cidade diferente. “Conseguimos democratizar a informação, levando um evento para inúmeras pessoas que talvez não tivessem condições de viajar, seja por conta das questões financeiras ou por conta da disponibilidade de tempo”, diz Silvia.

Dados do anuário estatístico ainda mostram que existem no Brasil mais de 2 milhões de usuários dos métodos de educação a distância.

Benefícios para as empresas

Se, por um lado, o profissional tem uma ferramenta eficiente de aprendizado, por outro, as empresas chegam a economizar para passar um treinamento. “As empresas podem oferecer um mesmo conteúdo ao maior número possível de funcionários, segundo suas necessidades. Ao contrário do que acontece em palestras comuns, quando cada participante paga uma taxa individual, nas webpalestras, o preço da transmissão é único, não importando o número de expectadores”.

A diretora explica que, ao optar por esse método de treinamento, as empresas se beneficiam pela facilidade ao acesso das informações e um retorno dos investimentos (ROI) em curto espaço de tempo.

PUBLICIDADE