Presidente do Instituto FGTS Fácil indica que trabalhador use dinheiro do fundo

Isso porque o fundo dos trabalhadores tem tido um rendimento que perde inclusive para a inflação, diz Mario Avelino

SÃO PAULO – O rendimento do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) neste ano foi o pior da história, perdendo inclusive para a inflação. Por conta disso, o presidente do Instituto FGTS Fácil, Mario Avelino, disse que quem tem a possibilidade deve usar o dinheiro do fundo.

“Em qualquer condição prevista em lei, use, porque hoje o dinheiro está desvalorizado”, afirmou o presidente do instituto.

Dados divulgados na quinta-feira (9) mostraram que, de janeiro a dezembro deste ano, a rentabilidade do FGTS foi de 3,62%. No mesmo período, o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) apontou para uma inflação de 5,63%, o que remete à perda de 2,01% ao trabalhador.

Compra de imóvel
A alternativa é válida inclusive para quem está participando de um financiamento de imóveis. E ela tem sido usada.

Uma prova disso é que, enquanto os financiamentos imobiliários disponíveis no mercado têm prazo de até 30 anos, os contratados chegam a 20 anos, mas os mutuários costumam pagar em oito anos, de acordo com a Abecip (Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança).

“O mutuário pode sacar o fundo para abater do saldo devedor, para abater da prestação mensal ou até mesmo para quitar todo o financiamento”, explicou Avelino.