Preocupação com a crise global alterará plano de saúde de empresas em 2012

Pesquisa da Hay Group revela que 61% das companhias nacionais têm mudanças planejadas para esse ano

SÃO PAULO – Um levantamento da Hay Group divulgado nesta semana revelou que, em virtude da crise econômica mundial, 13% das empresas nacionais já se anteciparam e resolveram alterar seu planejamento para 2012, modificando assim alguns dos principais benefícios de seus colaboradores.

E ao que parece, os planos de saúde é que deverão ser o alvo da maioria das companhias, ao menos, segundo aponta o estudo “Tendências em RH 2012”. De acordo com ele, 61% das empresas entrevistadas informaram já ter mudanças planejadas para esse benefício até o fim desse ano.

“Não sabemos se essa medida de troca de plano está sendo adotada para incrementar ou para baratear o benefício, mas é certo que as empresas de saúde estão cada vez mais competitivas para oferecerem negociações melhores para seus clientes. Talvez esse seja o motivo, mas não é possível afirmar”, diz a gerente de desenvolvimento de negócios da consultoria Hay Group, Caroline Marcon.

PUBLICIDADE

Outras mudanças
Outras mudanças, que também estão sendo especuladas pelas companhias são alterações na aposentadoria, previdência e nos horários de trabalho.

De acordo com o levantamento, no quesito aposentadoria/ previdência, apenas 16% das companhias consultadas informaram ter a intenção de mudar esse benefício. Já quanto a definição do horário – adoção de meio período ou horário flexível -, 14% das empresas declararam que pretendem mudar seu esquema de trabalho até dezembro.

“Quanto a intenção de alterar o reconhecimento não financeiro de seus contratados, cerca de 22% das empresas entrevistadas informaram querer mudar esse benefício”, detalhou o estudo.

A pesquisa
Realizada pela Hay Group, em janeiro de 2012, a pesquisa teve como intuito avaliar o possível impacto da crise econômica global na área de recursos humanos das empresas brasileiras, já que muitos profissionais têm procurado buscado novas oportunidades de trabalho no Brasil.